Busca avançada
Ano de início
Entree

A influência de xenobióticos em enzimas antioxidantes do corpo gorduroso de operárias de Atta Sexdens rubropilosa (Myrmicinae, Attini)

Processo: 17/19718-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 02 de abril de 2018
Vigência (Término): 01 de abril de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Odair Correa Bueno
Beneficiário:Silvana Beani Poiani
Supervisor no Exterior: Pavel Hyrsl
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Local de pesquisa : Masaryk University, República Tcheca  
Vinculado à bolsa:16/18916-0 - A microscopia como ferramenta para avaliação de alterações celulares analisadas ao nível ultraestrutural e ao microscópio confocal de formigas-cortadeiras expostas a agrotóxicos não específicos, BP.PD
Assunto(s):Estresse oxidativo

Resumo

As formigas-cortadeiras podem ser uma praga agrícola grave, desfolhando culturas e prejudicando estradas e terras agrícolas com suas atividades para a manutenção do ninho. O controle químico ainda é a estratégia mais comum para minimizar os danos causados por essas formigas. Espécies reativas de oxigênio (ROS) são geradas como produtos de atividades metabólicas celulares normais e também produzidas em resposta a uma variedade de agentes exógenos incluindo xenobióticos. Em taxas desproporcionais, ROSs causam peroxidação lipídica, carbonilação de proteínas, oxidação de DNA e depleção de glutationa. O uso de pesticidas leva a uma produção de ROS desequilibrada por algumas células, tais como as células do corpo gorduroso. O estudo das enzimas envolvidas na proteção das células contra os efeitos nocivos do ROS é relevante para avaliar os efeitos dos pesticidas no sistema de defesa e, consequentemente, no organismo. O objetivo deste projeto é avaliar e comparar os efeitos de diferentes xenobióticos, incluindo pesticidas tradicionais e metalo-inseticida derivado de produto natural alternativo também efetivo no controle de formigas sobre enzimas antioxidantes. As principais enzimas antioxidantes são a superóxido dismutase, catalase, glutationa S-transferase e o sistema de glutationa reduzida/oxidada. Para este fim, operárias médias de Atta sexdens rubropilosa serão tratadas com diferentes xenobióticos e o corpo gorduroso será dissecado para análises de atividades enzimáticas. Os resultados irão contribuir para o conhecimento sobre o sistema de defesa antioxidante e para desenvolver formas alternativas de controle para substituir os pesticidas tradicionais por aqueles de rápida degradação, alta especificidade e minimizar o impacto social e ambiental da atividade inseticida.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
KUNC, MARTIN; DOBES, PAVEL; HURYCHOVA, JANA; VOJTEK, LIBOR; POIANI, SILVANA BEANI; DANIHLIK, JIRI; HAVLIK, JAROSLAV; TITERA, DALIBOR; HYRSL, PAVEL. The Year of the Honey Bee (Apis mellifera L.) with Respect to Its Physiology and Immunity: A Search for Biochemical Markers of Longevity. INSECTS, v. 10, n. 8 AUG 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.