Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da metformina e do exercício físico, isolados ou associados, sobre os adipócitos e o grau de fibrose no tecido adiposo em ratos com síndrome dos ovários policísticos experimental

Processo: 17/18843-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Anatomia Patológica e Patologia Clínica
Pesquisador responsável:Gustavo Arantes Rosa Maciel
Beneficiário:Lyca Suzuki Kawakami
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ginecologia   Estresse oxidativo   Fibrose   Síndrome do ovário policístico   Tecido adiposo   Metformina   Exercício físico   Modelos animais

Resumo

A Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP) afeta de 5% a 10% das mulheres em idade reprodutiva, sendo o principal distúrbio endócrino deste grupo. Apesar de sua etiologia ainda não ser muito bem esclarecida, sabe-se que os elementos centrais envolvidos nessa síndrome são hiperandrogenismo, anovulação crônica e ovários policísticos. A SOP está comumente associada a distúrbios metabólicos como a resistência insulínica, dislipidemia, obesidade, alterações do tecido adiposo, diabetes do tipo 2 e risco cardiovascular. Algumas evidências atuais vêm demonstrando que a SOP está associada a disfunções do tecido adiposo resultantes de danos celulares e inflamação crônica. Há controvérsias entre estudos a respeito do nível de fibrose entre os adipócitos, sendo este um mecanismo regulador do balanço entre hipertrofia e hiperplasia dos mesmos. Pouco se sabe sobre os mecanismos moleculares envolvidos e os efeitos da metformina e do exercício físico nesses processos, que consistem em alternativas de tratamento na SOP, visto que a metformina é um agente sensibilizador de insulina e mudanças do hábito de vida (dieta e exercícios físicos) resultam em queda de androgênios circulantes. O objetivo deste estudo é avaliar e o tamanho de adipócitos e o grau de fibrose nos tecidos adiposos subcutâneo e visceral de modelo animal de SOP e estudar o papel da metformina e do exercício físico sobre essas variáveis. (AU)