Busca avançada
Ano de início
Entree

Valorização e aplicação de resíduos da indústria de sucos de laranja brasileira: uma estratégia econômica, sustentável e nutricional

Processo: 17/10815-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Engenharia de Alimentos
Pesquisador responsável:Fernanda Maria Vanin
Beneficiário:Larissa Alves de Castro
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Assunto(s):Produção de alimentos   Processamento de alimentos   Propriedades funcionais   Valor nutritivo   Sucos de frutas   Laranja   Aproveitamento de subprodutos   Fibras na dieta   Economia industrial

Resumo

A utilização de ingredientes provindos de subprodutos das indústrias ainda é uma prática pouco utilizada. Porém, diversos estudos têm demonstrado que estes resíduos são ricos em nutrientes e poderiam, portanto, agregar valor nutricional e funcional a diferentes produtos. A laranja é fonte de fibras, vitaminas e minerais, por isso seu consumo tem sido associado diversos benefícios a saúde. O Brasil é o maior produtor de suco de laranja do mundo, e como qualquer outra indústria, esse processamento gera resíduos que ao serem reutilizados evitam o desperdício e diminuem o que seria acumulado na natureza. Assim, visando o aproveitamento e aplicação dos subprodutos gerados, o objetivo desse projeto estudo é produzir uma farinha a partir dos subprodutos da fruta (casca e bagaço da laranja), avaliar as características nutricionais da farinha produzida (teor de fibra alimentar, amido resistente, proteínas, lipídeos, carboidratos e cinzas), propriedades físicas e funcionais, e em seguida aplicar essa farinha em biscoito do tipo cookie, avaliando o efeito neste produto (avaliação das propriedades físicas). O estudo será de extrema importância na área tecnológica, pois: (1) envolve a valorização e utilização de resíduos da indústria de suco de laranja brasileira, o que pode representar uma importante estratégia econômica para o país, (2) visa à produção de alimentos com possíveis atributos funcionais. (AU)