Busca avançada
Ano de início
Entree

Eficácia do diagnóstico de gestação pela Ultrassonografia Doppler aos 20 dias pós-IATF em vacas Nelore ressincronizadas com ou sem progesterona injetável

Processo: 17/26767-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Guilherme Pugliesi
Beneficiário:Danilo Zago Bisinotto
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/10606-9 - Inovações no diagnóstico precoce da gestação em bovinos, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):18/14920-8 - Estratégias para aumentar o tempo de viabilidade do espermatozóide e a fertilidade em novilhas leiteiras, BE.EP.IC
Assunto(s):Técnicas de diagnóstico animal   Ultrassom   Ultrassonografia Doppler   Prenhez   Progesterona   Corpo lúteo   Ovário

Resumo

A detecção de vacas não-gestantes pela identificação da luteólise através da ultrassonografia Doppler nos Dias-20-22 após a primeira inseminação artificial em tempo fixo (IATF) pode reduzir o intervalo de inseminações em bovinos. Entretanto, informações sobre a necessidade de administrar fármacos para ressincronizar a ovulação precocemente em fêmeas não-gestantes é ainda limitado e apresenta resultados controversos. O objetivo principal deste projeto é estudar os efeitos do tratamento com progesterona (P4) injetável associado a P4 do dispositivo intravaginal no Dia 12 pós-IATF na manutenção da gestação, tamanho do folículo dominante e taxa de prenhez após a segunda IATF em vacas paridas da raça Nelore. Para isso, será avaliado através da ultrassonografia em modo B e em Color Doppler o tamanho e perfusão sanguínea do corpo lúteo em vacas submetidas a dois protocolos de ressincronização (n=150/grupo): grupo controle (só dispositivo de P4), e grupo P4inj (75 mg de progesterona injetável de longa-ação). Para isso, todas as vacas receberão um dispositivo intravaginal de P4 novo no Dia 12 após a primeira IATF. No Dia 20 pós-IATF os dispositivos serão removidos e as vacas não-gestantes diagnosticadas pela identificação da luteólise pela ultrassonografia Color-Doppler receberão um tratamento intramuscular de 250 ug de Prostaglandina F2alpha, e 1mg de cipionato de estradiol para induzir a ovulação. O diâmetro do maior folículo ovariano será mensurado por ultrassonografia transretal nas vacas não-gestantes. No Dia 22, todas as fêmeas não-gestantes serão inseminadas. Espera-se, que apenas o uso do dispositivo de P4 possa resultar em um folículo dominante com bom tamanho e boa taxa de prenhez após a segunda IATF. Pretende-se estabelecer um protocolo simples de ressincronização da ovulação possibilitando um intervalo de inseminações de apenas 22 dias e assim resultando e boa eficiência reprodutiva e antecipação da prenhez de vacas inseminadas em tempo fixo na estação de monta. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
PUGLIESI, GUILHERME; BISINOTTO, DANILO ZAGO; MELLO, BARBARA PIFFERO; LAHR, FABIO C.; FERREIRA, CATIA A.; MELO, GABRIELA DALMASO; BASTOS, MICHELE RICIERI; MADUREIRA, ED HOFFMANN. A novel strategy for resynchronization of ovulation in Nelore cows using injectable progesterone (P4) and P4 releasing devices to perform two timed inseminations within 22 days. REPRODUCTION IN DOMESTIC ANIMALS, v. 54, n. 8, p. 1149-1154, AUG 2019. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.