Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação in situ do efeito anti-erosivo da associação entre o fluoreto de sódio e o propileno glicol alginato

Processo: 17/09408-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Clínica Odontológica
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Taís Scaramucci Forlin
Beneficiário:Letícia Oba Sakae
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FO). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Fluoretos   Dentística   Esmalte dentário

Resumo

O objetivo desse estudo é avaliar o efeito anti-erosivo de soluções contendo fluoreto de sódio (225 ppm F), fluoreto de sódio + cloreto de estanho (F+Sn: 225 ppm F + 800 ppm Sn), fluoreto de sódio + propileno glicol alginato (F+PGA: 225 ppm F + 0,1% PGA) e da água deionizada (controle negativo), utilizando um modelo in situ, de boca dividida, único cego, cruzado, de 4 fases. Doze voluntários participarão do estudo após assinarem o termo de consentimento. Em cada fase, os voluntários usarão dispositivos mandibulares contendo 4 espécimes de esmalte, os quais serão submetidos à um ciclo de erosão-remineralização-abrasão ou erosão-remineralização (boca dividida), com duração de 5 dias. A ciclagem erosão-remineralização-abrasão consistirá de 5 min de imersão extra-oral em ácido cítrico a 1% (pH=2,6), seguido de 120 min de remineralização in situ. Esse procedimento será repetido 4 vezes ao dia. O tratamento com as soluções teste será realizado extra oralmente, 2x/dia, por 2 min, 60 min após o primeiro e o último desafios erosivos. Antes do tratamento, será realizada a escovação, com escova elétrica e uma suspensão de dentifrício (1450 ppm F) e saliva, por 5 s, totalizando 2 min de exposição total a suspensão. Para a ciclagem erosão-remineralização, o mesmo protocolo será seguido, porém, somente haverá exposição dos espécimes `a suspensão de dentifrício por 2 min, sem escovação. Ao final, a perda superficial dos espécimes (em µm) será avaliada por perfilometria ótica. Os dados de perda superficial serão analisados com os testes de ANOVA, específico para estudos crossover, e Tukey, ou Krukal-wallis e Tukey, dependendo da normalidade e homogeneidade da amostra. O nível de significância utilizado será de 5%. (AU)