Busca avançada
Ano de início
Entree

Percepção da estética de implantes unitários colocados na região anterior associados ou não a enxerto de tecido conjuntivo

Processo: 17/24664-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Periodontia
Pesquisador responsável:Maria Aparecida Neves Jardini
Beneficiário:Caroline Gustis
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Estética dentária   Implantes dentários   Enxerto conjuntivo   Tecido conjuntivo

Resumo

Há mais de quatro décadas os implantes ósseointegrados têm sido utilizados e desde então inúmeros estudos com longos períodos de acompanhamento clínico foram publicados comprovando a confiabilidade de seu uso. Contudo, diversas técnicas têm sido descritas na literatura com o objetivo de melhorar os resultados estéticos de reabilitações com implantes dentais. Dessa forma, para estudos clínicos que abordam parâmetros estéticos é importante ter dados sobre a avaliação estética dos pacientes, o impacto na sua vida, bem como uniformizar as avaliações estéticas dos profissionais, de maneira que estas informações possam contribuir de forma mais abrangente na escolha de um protocolo de tratamento. O objetivo neste estudo é avaliar a estética dos tecidos moles ao redor do implante unitário localizado na área anterior da maxila que receberam ou não enxerto do tecido conjuntivo epitelial. Foram selecionados 40 indivíduos, apresentando a indicação de implante unitário com no mínimo 20 anos de idade, saudáveis sistemicamente e com boa saúde bucal e alocados em 2 grupos: Grupo 1 (Teste n=20) instalação de implantes do sistema cone morse associado ao enxerto de tecido conjuntivo autógeno; Grupo 2 (Controle n=20): instalação de implantes do sistema cone morse sem a colocação de enxerto de tecido conjuntivo. Os resultados serão avaliados por meio da escala PES/WES - Pink Esthetic Score/White Esthetic Score; Volume papilar (VP), Escala analógica Visual-estética (VAS) e Oral Health Impact Profile: OHIP-14. (AU)