Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribuição e fluxo gênico entre variantes genéticas de veado-mateiro (Mazama americana Erxleben, 1777) no Brasil

Processo: 17/02200-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia
Pesquisador responsável:José Maurício Barbanti Duarte
Beneficiário:Pedro Henrique de Faria Peres
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/07014-8 - O uso de topotipos atuais para produção de genótipos e citótipos na revisão taxonômica do gênero Mazama: a base para a conservação das espécies, AP.TEM
Assunto(s):Zoologia   Cervidae

Resumo

O isolamento reprodutivo tem papel crucial na especiação e diferentes mecanismos podem atuar nesse processo. Nos mamíferos, os rearranjos cromossômicos podem levar a diferenças cariotípicas que resultam em diminuição do fluxo gênico entre populações divergentes, atuando como barreira em um isolamento pós-zigótico. A família Cervidae é notória pela sua diversidade cariotípica, sendo o gênero Mazama um bom exemplo da fragilidade cromossômica do táxon. Estudos recentes demonstraram a diversidade cariotípica da espécie Mazama americana, o veado-mateiro, e evidenciaram isolamento reprodutivo por barreiras cromossômicas entre as diferentes linhagens genéticas, via alterações na gametogênese dos híbridos. A intensidade com que essa barreira está atuando no isolamento das populações ainda necessita ser melhor caracterizada, assim como a extensão de ocorrência e sobreposição dessas linhagens genéticas na natureza. Dessa forma, o presente trabalho visa prospectar populações de veado-mateiro na região central do Brasil, caracterizando a distribuição de algumas linhagens da espécie e o fluxo gênico entre elas. Para tanto, uma amostragem adaptativa para coleta de fezes será realizada em 22 áreas pré-selecionadas e fragmentos do DNA mitocondrial serão sequenciados e analisados a partir do DNA fecal obtido. Em um segundo momento, 3 populações pertencentes ao clado de maior número cromossômico serão amostradas para coleta de pelo, material genético de melhor qualidade, e análise de marcadores microssatélites. Com uma amostragem ampla e sua caracterização molecular perante os padrões já descritos para a espécie, pretende-se avançar no entendimento do isolamento das populações e da distribuição dessas variantes genéticas.