Busca avançada
Ano de início
Entree

Envolvimento de urato monossódico e silibinina na modulação de monócitos de gestantes portadoras de pré-eclâmpsia e em linhagem celular de monócitos humanos (THP-1)

Processo: 17/26053-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Maria Terezinha Serrão Peraçoli
Beneficiário:Virgínia Juliani Gomes
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/10250-0 - Efeitos do sobrenadante de monócitos de gestantes portadoras de pré-eclâmpsia tratados com silibinina sob stress oxidativo e a disponibilidade de óxido nítrico em células endoteliais, BE.EP.MS
Assunto(s):Imunomodulação   Ácido úrico   Pré-eclâmpsia

Resumo

A pré-eclâmpsia (PE) é uma síndrome específica da gestação que se caracteriza por um estado de má adaptação da tolerância imunológica, identificado por estresse oxidativo e ativação anormal do sistema imune inato. No plasma de gestantes portadoras de PE encontram-se níveis elevados de estruturas moleculares associadas ao estresse e morte celular, denominados padrões moleculares associados ao dano (DAMPs) tais como Ácido Úrico, que parecem contribuir para a patogênese dessa doença. As DAMPs podem ativar monócitos desviando-os para perfil proinflamatório M1. O desbalanço pró e anti-inflamatório na PE pode ser regulado através da administração de flavonóides com propriedades anti-inflamatórias como a silibinina. O presente trabalho tem por objetivo avaliar o efeito imunomodulador da silibinina sobre a expressão de marcadores de ativação e a via de sinalização do fator de transcrição nuclear NF-kB em monócitos de gestantes portadoras de PE e em linhagem celular de monócitos humanos (THP-1) ativados por urato monossódico.Monócitos de gestantes portadoras de PE serão cultivados na presença ou ausência de silibinina e as células THP-1 serão cultivadas na presença ou ausência de urato monossódico (MSU) e/ou silibinina, por diferentes períodos: a) por 30 min para análise da expressão de IKB-± e NF-kBp65 por citometria de fluxo, b) por 18h para análise da expressão dos receptores de superfície TLR4, CD64, CD163 e CD14 e a concentração das citocinas IL-1², IL-6, IL-8, IL-10, IL-12p70 e TNF-± no sobrenadante de cultura de monócitos por citometria de fluxo e de IL-23 e TGF-² pela técnica de ELISA. Os resultados serão analisados por meio de testes paramétricos ou não-paramétricos com nível de significância de 5%. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.