Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito dos prebióticos no trânsito intestinal e no perfil lipídico de pacientes com doença renal crônica pré-dialítica

Processo: 18/03466-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Marina Nogueira Berbel Bufarah
Beneficiário:Rosana de Fátima Minatel
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/03436-5 - Efeito dos prebióticos no trânsito intestinal e no perfil lipídico de pacientes com doença renal crônica pré-dialítica, AP.R
Assunto(s):Nefrologia   Insuficiência renal crônica   Constipação intestinal   Prebióticos   Avaliação nutricional

Resumo

A doença renal crônica (DRC) é um grave problema de saúde pública, possui caráter progressivo e está associada à elevada morbidade e mortalidade. Tanto no Brasil como no mundo, o diabetes mellitus (DM) e a hipertensão arterial sistêmica (HAS) constituem as principais causas que levam à DRC, sendo que os indivíduos renais crônicos, apresentam uma alta prevalência de DCV, por possuírem vários fatores de risco cardiovascular, sendo um deles, a doença aterosclerótica. De acordo com estudo realizado em pacientes com DRC em hemodiálise (HD), a dislipidemia e a uremia atuam como importantes preditores na formação dos ateromas e consequentemente no aumento de risco das DCV. O aumento do consumo de fibras dietéticas, conhecidas como prebióticos, representa uma alternativa para a melhora do perfil lipídico nestes indivíduos. A constipação crônica também é condição frequente em pacientes em todas as fases da DRC. Considerando uma opção para o tratamento da constipação crônica nessa população, o uso dos prebióticos, pode exercer um papel positivo na melhora desse quadro. Desta forma, o uso regular dos prébioticos pode representar uma estratégia terapêutica tanto para a diminuição da constipação quanto para a melhora do perfil lipídico nestes pacientes. O presente trabalho tem como objetivo identificar o efeito dos prebióticos no trânsito intestinal e no perfil lipídico de pacientes com DRC na fase pré-dialítica. Pretende-se avaliar neste ensaio clínico randomizado, cerca de 62 pacientes com diagnóstico de DRC no estágio V com diagnóstico de obstipação intestinal crônica conforme critérios de Roma III sendo 31 indivíduos do grupo placebo e 31 indivíduos do grupo intervenção, acompanhados no Ambulatório de Pré-Diálise da Unidade de Diálise do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu. Os pacientes serão divididos em grupos (controle x intervenção) por meio de sorteio e receberão orientações dietéticas visando a melhora da obstipação intestinal. O grupo controle receberá 10g de módulo de carboidrato como placebo e o grupo intervenção receberá 10g de prebióticos, ambos diluídos em 150mL de água filtrada 1x ao dia pela manhã durante 60 dias consecutivos. Serão realizadas nesse período uma avaliação inicial e duas posteriores, em intervalo de 30 dias, compostas por parâmetros clínicos, nutricionais e bioquímicos. A apresentação dos dados será realizada por meio de estatísticas descritivas de posição e variabilidade e os resultados dos testes de hipóteses discutidos no nível de 5% de significância. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.