Busca avançada
Ano de início
Entree

Filmes poliméricos baseados em cebola (Allium cepa l.): uma nova geração de materiais para aplicação como embalagens comestíveis

Processo: 18/04884-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas - PIPE  
Vigência (Início): 01 de outubro de 2017
Vigência (Término): 30 de junho de 2018
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica
Pesquisador responsável:Diógenes dos Santos Dias
Beneficiário:Diógenes dos Santos Dias
Empresa:Biosmart Nanotechnology Ltda. - ME
Vinculado ao auxílio:16/15504-2 - Filmes poliméricos baseados em cebola (Allium cepa L.): uma nova geração de materiais para aplicação como embalagens comestíveis, AP.PIPE
Assunto(s):Embalagens   Filmes poliméricos   Filmes comestíveis   Cebola   Inovação

Resumo

A grande necessidade em substituir as embalagens alimentícias tradicionais por suas contrapartes sustentáveis e ambientalmente corretas tem sido preconizada devido aos severos danos causados ao meio ambiente. Tais danos decorrem tanto do uso indiscriminado de matéria-prima não renovável quando do descarte indevido de materiais não-biodegradáveis. De forma geral, embalagens para alimentos devem garantir a proteção destes contra contaminação microbiana e resistirem à permeação de umidade e de oxigênio, como exemplos. Por apresentarem as características supracitada e, adicionalmente, possibilitarem sua ingestão junto ao produto embalado e/ou uma biodegradação facilitada ao serem descartadas, as embalagens comestíveis representam um conceito promissor. Neste contexto, a produção de filmes biodegradáveis baseados em materiais provenientes de fontes renováveis tem sido buscada exaustivamente por pesquisadores em todo o mundo, sendo que aqueles passíveis de serem ingeridos apresentam caráter fortemente inovador e alto potencial de industrialização. No presente projeto, são apresentados métodos para obtenção de filmes auto-suportáveis obtidos, pelo processo denominado casting, a partir do beneficiamento da polpa de cebola (Allium cepa L.), a qual é produzida em o todo território brasileiro e cuja produção foi estimada em 1,4 milhão de toneladas no ano de 2012. Nesse sentido, propõem-se diferentes protocolos de processamento da polpa de cebola in natura, incluindo tratamentos mecânicos e hidrotérmicos, visando a obtenção dos filmes auto-suportáveis. Estes serão avaliados quanto às propriedades físico-químicas (composição centesimal: teores de umidade, compostos voláteis, cinza e carbono fixo; análise elementar: C, H, O, N e S; e índice de cristalinidade), mecânicas (resistência à tração, módulo de elasticidade e extensibilidade), de barreira, térmicas, morfológicas (imagens microscópicas da superfície e seção transversal, porosidade e topografia). (AU)