Busca avançada
Ano de início
Entree

Identificação de biomarcadores urinários prognósticos para preeclâmpsia e outras complicações na gravidez no primeiro trimestre de gestação

Processo: 18/02144-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de março de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Luciana Aparecida Campos Baltatu
Beneficiário:Daniela Monteiro Baptista da Silva
Instituição-sede: Escola de Ciências da Saúde (ECS). Universidade Anhembi Morumbi (UAM). Instituto Superior de Comunicação Publicitária (ISCP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:17/11976-0 - Identificação de biomarcadores urinários prognósticos para preeclâmpsia e outras complicações na gravidez no primeiro trimestre de gestação, AP.R
Assunto(s):Saúde materna   Mortalidade perinatal   Complicações na gravidez   Diabetes gestacional   Pré-eclâmpsia   Urina   Técnicas e procedimentos diagnósticos   Biomarcadores

Resumo

INTRODUÇÃO: Pré-eclâmpsia, diabetes mellitus gestacional, restrição do crescimento fetal e parto prematuro são complicações comuns da gestação e principais causas de morbimortalidade perinatal. A pesquisa e o desenvolvimento de marcadores bioquímicos confiáveis para predição e diagnóstico de complicações da gravidez podem ter um grande impacto na saúde materna e vários foram sugeridos. Embora existam muitos dados sobre marcadores bioquímicos no sangue e resultados de gestações, poucos estudos avaliaram seus valores na urina de mulheres grávidas. OBJETIVOS: O objetivo geral do nosso estudo é avaliar novos biomarcadores, preditivos da doença, que estejam presentes e mensuráveis na urina de mulheres grávidas. Pretendemos determinar a precisão preditiva de novos biomarcadores urinários do primeiro trimestre para complicações da gravidez em mulheres. Nossos objetivos específicos são: a) Investigar a sensibilidade e a especificidade de complicações da gravidez com biomarcadores urinários selecionados; b) Avaliar a sinergia potencial de uma abordagem combinada de biomarcadores para predizer resultados de gestação. MÉTODOS: Trata-se de um estudo observacional longitudinal prospectivo de uma coorte de gestantes do Vale do Paraíba, São José dos Campos, inscritas no pré-natal da Santa Casa de São José dos Campos. A coorte será estudada para possíveis biomarcadores urinários no final do primeiro trimestre da gravidez e será acompanhada para complicações da gravidez. Os biomarcadores visados a serem estudados são: angiotensinogênio, melatonina, proteínas de choque térmico HSP 70 e 90 e fatores feto-placentários incluindo gonadotrofina coriônica humana (hCG), estriol, alfa fetoproteína (AFP) e proteína plasmática A associada à gravidez (PAPP- A). RESULTADOS ESPERADOS E SIGNIFICÂNCIA DO PROJETO: Esperamos que o resultado deste projeto proposto nos proporcione um avanço em diagnóstico precoce de doenças associadas à gravidez (AU)