Busca avançada
Ano de início
Entree

Intervenção nutricional com foco em mudança de comportamento em mulheres com excesso de peso e Doença Renal Crônica na fase não dialítica

Processo: 17/15506-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição
Pesquisador responsável:Lilian Cuppari
Beneficiário:Raíssa Antunes Pereira
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Nefrologia   Insuficiência renal crônica   Obesidade   Dieta   Qualidade de vida

Resumo

A incidência Doença Renal Crônica (DRC) é considerada um problema de saúde pública mundial com crescente aumento na sua prevalência. Paralelamente, a frequência de casos de Obesidade vem aumentando na população geral e seu crescimento é ainda maior na população com DRC. O tratamento nutricional da DRC na fase não dialítica engloba modificações dietéticas que podem ter importante impacto na qualidade da dieta e na qualidade de vida do paciente constituindo um desafio para o tratamento. O desafio torna-se ainda maior na coexistência de Obesidade e DRC. Abordagens inovadoras vêm sendo sugeridas para trabalhar a mudança de comportamento alimentar em diversas populações, buscando resgatar o comer em resposta aos sinais internos do corpo e melhorar aceitação corporal. A American Dietetic Association aconselha que nutricionistas sejam encorajados a desenvolver intervenções em grupos para facilitar a aquisição de habilidades desejadas em seus pacientes. O conhecimento dos conceitos de atitude e comportamento alimentar é essencial para educação em saúde e abordagens que trabalhem com estes conceitos são indicadas para aumentar a motivação, adesão e autocuidado dos indivíduos no tratamento de doenças. No entanto, essas abordagens são pouco estudadas em pacientes com DRC. Objetivo: Avaliar o impacto de uma intervenção nutricional baseada em estratégias comportamentais em mulheres com excesso de peso na fase não dialítica da DRC. Metodologia: Trata-se de um ensaio clínico prospectivo não controlado que acontecerá no ambulatório de tratamento conservador da DRC do Hospital do Rim da Fundação Oswaldo Ramos. A intervenção será realizada em grupos de aproximadamente 10 pacientes com proposta de encontros mensais num total de 14 encontros para o trabalho de orientação nutricional focada em mudança de comportamento. As pacientes serão avaliadas antes e após a intervenção em relação ao estado nutricional, composição corporal, exames laboratoriais, consumo alimentar/qualidade da dieta e questionários de imagem corporal, qualidade de vida e compulsão alimentar. Dois grupos focais também serão conduzidos com intuito de avaliar as expectativas/resultados da intervenção. (AU)