Busca avançada
Ano de início
Entree

Toxinas termolábil (LT) e termoestável (ST) produzidas por Escherichia coli enterotoxigênica: estudo de um novo modelo in vivo para avaliação do potencial neutralizante de anticorpos recombinantes

Processo: 17/17213-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 30 de setembro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Roxane Maria Fontes Piazza
Beneficiário:Camila Henrique Pinto
Instituição-sede: Instituto Butantan. Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Anticorpos   Doenças negligenciadas   Diagnóstico clínico   Terapêutica   Escherichia coli enterotoxigênica   Enterotoxinas   Diarreia

Resumo

Escherichia coli enterotoxigênica (ETEC) é o principal patógeno envolvido nos casos Diarreia Aquosa, principalmente em crianças abaixo de cinco anos de idade, bem como nos casos de Diarreia dos Viajantes. ETEC produz dois tipos de enterotoxinas, a termolábil (LT) e a termoestável (ST). As metodologias utilizadas para monitorar estas enterotoxinas in vivo consistem em ensaios trabalhosos e que necessitam de um grande número de animais de laboratório. Neste contexto, apresentamos o zebrafish (Paulistinha) que vem sendo utilizado como modelo experimental para elucidação de mecanismos de ação de diferentes patógenos e substâncias, incluindo também as toxinas bacterianas, bem como em ensaios de neutralização dessa toxicidade por drogas e anticorpos. Sendo assim, o presente projeto tem como objetivo o estudo desse modelo experimental para avaliar o potencial neutralizante de anticorpos recombinantes do tipo Fab para aplicação em terapia da intoxicação causada pelas enterotoxinas LT e ST de ETEC. Assim, esse novo modelo in vivo deverá facilitar diversos estudos de virulência, propiciando que o mecanismo de ação destas toxinas seja melhor explorado, esses resultados com certeza contribuirão para a diminuição do impacto socioeconômico gerado pela Diarreia causada por este patógeno, principalmente, em países em desenvolvimento. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.