Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do EDTA em diferentes pHs e da pasta de hidróxido de cálcio na ação antimicrobiana e de dissolução de biofilme

Processo: 17/21734-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Marco Antonio Hungaro Duarte
Beneficiário:Bruna Rossetti da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Bauru (FOB). Universidade de São Paulo (USP). Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Biofilmes   Dissolução   Ácido edético   Hidróxido de cálcio   Enterococcus faecalis

Resumo

O objetivo do trabalho será analisar o ácido etilenodiaminotetracético (EDTA)17% em diferentes pHs (3,7 e 10), associado ou não à irrigação pós com hipoclorito de sódio 1%, e uso prévio pasta de hidróxido de cálcio na ação antimicrobiana e dissolução de biofilme de E. faecalis. Material e Métodos: Será induzido biofilme in vitro de Enterococcus faecalis por 21 dias sobre 50 blocos de dentes bovinos. Após, os blocos serão divididos em 10 grupos (n=5), sendo que nos grupos, G1, G2, G3, as amostras serão tratadas com EDTA 17% com os seguintes pHs: 3, 7 e 10, por 3 minutos. Nos grupos, G4, G5 e G6, os blocos serão irrigados com EDTA, nos diferentes pHs, por 3 minutos, seguida pela irrigação com hipoclorito de sódio (NaOCl1%), por 5 minutos. As amostras, dos grupos G7, G8 e G9, serão tratadas inicialmente com hidróxido de cálcio (Calen PMCC) por 7 dias, em seguida, para remoção da pasta, os blocos serão irrigados com EDTA, com os diferentes pHs por 3 minutos e, posteriormente, com NaOCl 1% (5 minutos). No grupo 10, após utilização da medicação antimicrobiana, por 7 dias, os blocos serão irrigados apenas com hipoclorito de sódio 1%, por 5 minutos. Através de microscopia confocal, imagens das amostras serão capturadas, para mensuração das células bactérias viáveis pelo programa Bioimage, após utilização do corante LIVE/DEAD, além disso, será obtido o biovolume do biofilme. (AU)