Busca avançada
Ano de início
Entree

Modernismo paulista: a arquitetura moderna produzida no interior do estado de São Paulo e sua difusão: Araraquara

Processo: 17/26801-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Arquitetura e Urbanismo - Fundamentos de Arquitetura e Urbanismo
Pesquisador responsável:Paulo Roberto Masseran
Beneficiário:Beatriz Camargo Obici
Instituição-sede: Faculdade de Arquitetura, Artes e Comunicação (FAAC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Assunto(s):Historiografia   Arquitetura moderna   Preservação arquitetônica   Modernismo   Difusão   Araraquara (SP)

Resumo

A historiografia da arquitetura modernista brasileira, sedimentada pelas obras de autores referenciais como, Goodwin, Mindlin e Bruand enfatizou a produção arquitetônica dos grandes centros: Rio de Janeiro, São Paulo e Belo Horizonte. Contudo, a consolidação do Movimento Modernista, ocorrida a partir da década de 50, coincidiu com o grande desenvolvimento econômico e cultural de muitas cidades e regiões do interior do estado de São Paulo. Este fato é plenamente apreensível ao analisar o montante da produção arquitetônica modernista destas cidades e regiões, difundida pelas grandes revistas especializadas que existiram no Brasil desde a década de 1930 - produção, entretanto, ainda pouco estudada. Desse modo, o presente projeto de pesquisa se propõe a levantar e mapear o quadro geral dessa produção e contribuir para aprofundar o conhecimento sobre a arquitetura modernista produzida pelos grandes escritórios e arquitetos do país na região central do estado de São Paulo, compreendida numa macrorregião em torno de Bauru e, especificamente, os projetos e obras desenvolvidos na cidade de Araraquara/SP. Considerando isso, objetiva-se de modo geral com a pesquisa, investigar historiograficamente a importância da produção modernista no interior do estado de São Paulo, a partir da difusão na imprensa especializada da época, e investigar especificamente o caso da produção da cidade de Araraquara, relacionando-a às publicações e ao processo de desenvolvimento do interior do Estado, entre as décadas de 1950 e 1970. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)