Busca avançada
Ano de início
Entree

Dinâmica do perfil transcricional de duas cultivares de cana-de-açúcar contrastantes à seca e submetidas ao déficit hídrico prolongado

Processo: 18/01326-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Maria Inês Tiraboschi Ferro
Beneficiário:Daniela Konrad
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Melhoramento genético vegetal   Cana-de-açúcar   Escassez de água   Expressão gênica   Reação em cadeia da polimerase em tempo real

Resumo

Períodos prolongados de seca têm se tornado mais frequentes em algumas regiões do Brasil. Além disso, a expansão da cultura de cana-de-açúcar para regiões com deficiência hídrica prolongada torna a produção sucroenergética limitada nestes locais. A melhor forma de contornar esse problema é utilizar cultivares tolerantes a este estresse. Neste sentido, o presente estudo pesquisa sobre o comportamento fisiológico e molecular (RNA-Seq/Illumina) de duas cultivares de cana-de-açúcar contrastantes à seca (SP81-3250/tolerante e RB855453/sensível), submetidas a três potenciais hídricos do solo (controle (sem estresse hídrico), déficit hídrico moderado e déficit hídrico severo) a partir de 60 dias após o plantio. Essas plantas foram avaliadas molecular e fisiologicamente em três épocas distintas: 30, 60 e 90 dias após a aplicação dos tratamentos, sendo este um dos poucos estudos realizados até o momento sobre a resposta de plantas de cana-de-açúcar sob déficit hídrico prolongado, estresse esse que foi realizado no período conhecido como fase de formação da cana-de-açúcar, compreendendo o período mais crítico por demanda de água. Os parâmetros fisiológicos avaliados e a análise global da expressão gênica mostraram alterações significativas em resposta ao déficit hídrico entre as duas cultivares. Em um trabalho inicial, a montagem de novo desses transcriptomas, realizada utilizando o programa Trinity, gerou sequências de transcritos para as cultivares. Diante disso, objetiva-se aprofundar as análises dos transcriptomas gerados, de maneira a compreender a dinâmica dos perfis gênicos ao longo dos três períodos do estresse avaliados e dentro de cada tensão do solo nas duas cultivares de cana-de açúcar e, consequentemente, desvendar quais processos biológicos estão envolvidos no caráter de tolerância e/ou sensibilidade da cana-de-açúcar submetida ao déficit hídrico prolongado. Para a validação dos resultados obtidos no experimento com RNA-Seq, será utilizada a técnica de PCR quantitativa em tempo real (qRT-PCR), a qual é bastante precisa para quantificar níveis de expressão de um determinado gene, bem como oferece resultados rápidos e dados reprodutíveis (STOLF, 2007). (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
KONRAD, Daniela. Dinâmica do perfil transcricional de duas cultivares de cana-de-açúcar contrastantes à seca e submetidas ao déficit hídrico prolongado. 2019. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.