Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos agudos e subagudos de dose única de ayahuasca no reconhecimento de expressões faciais

Processo: 17/24791-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Psiquiatria
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Jaime Eduardo Cecilio Hallak
Beneficiário:Juliana Mendes Rocha
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Psicofarmacologia   Ayahuasca   Cognição social

Resumo

Diversos transtornos psiquiátricos estão associados a déficits na cognição social e no reconhecimento de expressões faciais. Ademais, os tratamentos farmacológicos disponíveis não funcionam para uma parcela importante destes pacientes e produzem efeitos colaterais significativos. A ayahuasca é uma bebida psicoativa tradicionalmente utilizada por grupos indígenas da Amazônia com fins terapêuticos. Estudos em animais e humanos sugerem que a ayahuasca possui efeitos ansiolíticos e antidepressivos, além de apresentar boa tolerabilidade. Portanto, o objetivo deste projeto é o de avaliar os efeitos de uma dose única de ayahuasca no reconhecimento de expressões faciais. 30 voluntários saudáveis participarão de um estudo randomizado, duplo-cego e controlado com placebo. A avaliação aguda (0-6 h) será realizada por meio da aplicação de escalas, questionários e testes (VAMS, ESS, BAI, Tarefa de Reconhecimento de Expressões Faciais). Escalas e questionários também serão aplicados aos voluntários 1, 7, 14 e 21 dias após a administração de ayahuasca ou placebo para a avaliação de possíveis efeitos subagudos. (AU)