Busca avançada
Ano de início
Entree

Educação, educação física e arte: diálogos na formação continuada de professores

Processo: 17/23662-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Educação - Ensino-aprendizagem
Pesquisador responsável:Mônica Caldas Ehrenberg
Beneficiário:Mônica Caldas Ehrenberg
Anfitrião: Antonio Camilo Teles Nascimento Cunha
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade do Minho (UMinho), Portugal  
Assunto(s):Educação física   Artes   Expressão corporal   Formação de professores   Crianças

Resumo

Esta pesquisa se situa na tênue fronteira entre educação, educação física e arte e versa sobre as relações da formação continuada de professoras e o lugar do corpo e da expressividade na educação. Objetivamos, de maneira mais geral, que professoras de educação infantil e primeiras séries do ensino fundamental possam, a partir da experimentação, sensibilização e da percepção de seus corpos, compreender possibilidades educativas e artísticas da gestualidade. E, de modo mais específico, verificar se as práticas corporais vivenciadas pelo grupo docente contribuíram ou não para que esse olhar e entendimento do gesto como forma de comunicação e expressão sejam reverberados em suas práticas docentes. Metodologicamente, propomo-nos realizar estudos que discutam a temática da formação continuada e estudos que contribuam para o entendimento do gesto como expressão cultural e social, o qual, organizado sistematicamente pela linguagem corporal, configura-se em práticas corporais. Organizaremos um curso de extensão para professoras da educação infantil e primeiras series do ensino fundamental da rede pública de Campinas/SP, com a intenção de que as mesmas compreendam e reflitam sobre o lugar do corpo e da arte na educação, por meio da vivência de atividades corporais e artísticas. Numa segunda etapa, organizaremos um grupo focal que será constituído a partir de um convite aos participantes do curso de extensão, a fim de discutirmos as reverberações do curso de extensão em sua prática docente. Almejamos, como resultado principal dessa pesquisa, ampliar as discussões sobre os norteadores teóricos e metateóricos fundamentais para o desenvolvimento das práticas corporais (esportivas e/ou artísticas) nas instituições formais de ensino, ressignificadas a partir das ciências humanas, que compreendem as crianças como pessoas que produzem culturas, entre elas a cultura corporal. O lócus de realização da pesquisa será o Laboratório de Arte, Corpo e Educação (FE-Unicamp); essa escolha se deu na medida em que nesse Laboratório se realizam pesquisas na interface entre arte, corpo, formação de professores e educação básica. (AU)