Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo e caracterização de eletrodos de grafeno em líquidos iônicos

Processo: 18/04111-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Físico-química
Pesquisador responsável:Roberto Manuel Torresi
Beneficiário:Marcelo Amaro de Andrade
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/26308-7 - Otimização das propriedades físico-químicas de materiais nano-estruturados e suas aplicações em reconhecimento molecular, catálise e conversão/armazenamento de energia, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):19/15604-5 - Estudo e caracterização de óxidos de grafeno reduzido térmica e hidrotermicamente para aplicação em supercapacitores eletroquímicos aprimorados, BE.EP.IC
Assunto(s):Eletroquímica   Líquidos iônicos   Eletrodos   Grafenos   Óxido de grafeno   Troca iônica

Resumo

Este trabalho consiste no projeto de iniciação científica que visa o desenvolvimento, montagem e caracterização de eletrodos de óxido de grafeno reduzido (OGR) em meio eletrolítico composto de líquidos iônicos. O projeto proposto estará diretamente vinculado ao projeto temático FAPESP 2015/26308-7 "Otimização das propriedades físico-químicas de materiais nano-estruturados e suas aplicações em reconhecimento molecular, catálise e conversão/armazenamento de energia" e ao projeto de pós-doutorado FAPESP 2017/11784-3 "Estudo de materiais híbridos no desenvolvimento de dispositivos de eletrônica orgânica e armazenamento de energia". Para tal, será explorada a síntese do óxido de grafeno reduzido, a partir do grafite, e este será caracterizado via RAMAN, FTIR, Espectroscopia de Impedância e Microscopia Eletrônica de Varredura. Será estudada também a alteração das propriedades físico-químicas dos líquidos iônicos via troca iônica. Como sequência será feita a construção do eletrodo e o estudo de seu comportamento eletroquímico. Dessa forma, visa-se entender o funcionamento do material eletroativo OGR em meios eletrolíticos variados. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.