Busca avançada
Ano de início
Entree

Migrações do trabalho no México: trajetórias laborais do trabalho para o capital nos estados de Oaxaca e Chiapas

Processo: 18/09607-9
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2018
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Geografia - Geografia Humana
Pesquisador responsável:Antonio Thomaz Júnior
Beneficiário:Fredi dos Santos Bento
Supervisor no Exterior: Francisco Luciano Concheiro Bórquez
Instituição-sede: Faculdade de Ciências e Tecnologia (FCT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente, SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidad Autónoma Metropolitana, Xochimilco (UAM Xochimilco), México  
Vinculado à bolsa:16/03984-0 - Migração do trabalho no agrohidronegócio canavieiro na Região Administrativa de Presidente Prudente (SP), BP.MS
Assunto(s):Migração humana   Trabalho temporário   Agrohidronegócio   México

Resumo

Neste início do século XXI, amplia-se cada vez mais a ofensiva do capital sobre o trabalho, movida pela necessidade insaciável de acumulação/reprodução na América Latina. No Brasil, dentre as várias formas de personificação deste modelo societal, destacamos o agrohidronegócio canavieiro, que sob a prerrogativa do discurso falacioso de desenvolvimento nacional, sustentável etc., omite diversos agravos no que se refere aos descumprimentos trabalhistas, à saúde dos trabalhadores, a sustentabilidade, a questão sindical, ambiental entre outras. A exemplo da configuração que se apresenta na Região Administrativa de Presidente Prudente (São Paulo, Brasil) que nos tem ocupado em nossos estudos no país, com destaque para a migração de trabalhadores originários de diversas partes do Nordeste brasileiro, para o corte manual da cana-de-açúcar. Nessa perspectiva, intentamos compreender a realidade dos trabalhadores migrantes temporários no México, especificamente nos estados de Oaxaca e Chiapas, buscando analisar sua trajetória laboral e de vida. Para isso, nos propomos entender quais os significados e sentidos que compõem o processo migratório do trabalho para o capital agroindustrial no México, buscando estabelecer aproximações com a realidade apresentada na Região Administrativa de Presidente Prudente (São Paulo, Brasil). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.