Busca avançada
Ano de início
Entree

Papel dos receptores colinérgicos nicotínicos do hipocampo dorsal na recaída da busca por etanol em camundongos

Processo: 18/02889-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Neuropsicofarmacologia
Pesquisador responsável:Fabio Cardoso Cruz
Beneficiário:Roberta Ayumi Maeda
Instituição-sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/24986-2 - Participação de pequenos grupos neurais seletivamente ativados (neuronal ensembles) na reinstalação da autoadministração de etanol induzida pelo ambiente: investigação farmacogenética, optogenética e molecular, AP.JP
Assunto(s):Neurobiologia   Hipocampo   Etanol   Colinérgicos   Dopamina   Vareniclina   Modelos animais

Resumo

Segundo a Organização Mundial da Saúde, o etanol é a substância de abuso mais consumida no mundo e atualmente a dependência às drogas de abuso é um problema de saúde pública mundial. Há evidências de que todas as substâncias reforçadoras são capazes de promover preferência condicionada por lugar (PCL) em ratos e camundongos. A utilização do procedimento de reinstalação da PCL também pode ser usada como modelo de recaída. O mecanismo de ação do etanol relacionado ao desenvolvimento da dependência envolve a interação e a ativação do sistema dopaminérgico mesocorticolímbico e da amígdala estendida. Portanto, assim como outras substâncias de abuso, o etanol é capaz de ativar os neurônios dopaminérgicos da área tegmental ventral (VTA), promovendo a liberação de dopamina no núcleo acúmbens (NAc). Da mesma maneira, estudos demonstram que a ativação de receptores nicotínicos na VTA induz a liberação de dopamina no NAc. Essa liberação parece ser mediada principalmente por receptores alfa4 beta2, pois o bloqueio desse receptor diminui a liberação de dopamina induzida pela administração de nicotina. Dessa maneira, o presente estudo tem como objetivo investigar o papel dos receptores colinérgicos nicotínicos do tipo alfa4 beta2 do hipocampo na reinstalação da PCL induzida pelo etanol. Para tanto iremos realizar a fenotipagem dos neurônios hipocampais envolvidos na PCL induzida pelo etanol e o estudo do envolvimento dos receptores colinérgicos nicotínicos alfa4 beta2 do hipocampo na reinstalação da PCL induzida pelo etanol através da injeção central do agonista parcial dos receptores colinérgicos nicotínicos alfa4 beta2 - vareniclina.