Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da suplementação de omega- 3 na performance reprodutiva e na resposta imune em vacas leiteiras

Processo: 17/03622-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2018
Vigência (Término): 28 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Reprodução Animal
Pesquisador responsável:Eneiva Carla Carvalho Celeghini
Beneficiário:Luisa Cunha Carneiro
Instituição-sede: Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia (FMVZ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/16051-7 - Mecanismos do ácido graxo ômega-3 na indução de uma resposta imune em vacas pelo cultivo celular in vitro e sua função metabólica pela suplementação in vivo, BE.EP.PD
Assunto(s):Ácidos graxos   Citocinas   Útero   Reprodução

Resumo

Nesta proposta pretende-se suplementar vacas leiteiras Holandesas com ácido graxo poliinsaturado (Ômega- 3) aos 30 dias antes do parto até 100 dias do pós-parto e verificar os efeitos reprodutivos e metabólicos durante diferentes fases e concentrações do tratamento, e ainda investigar como essa suplementação afeta a função imune. Para tal, o experimento será divido em três etapas. Na etapa 1 serão formados três grupos, um tratado com 60g/dia de Ômega- 3 (n=10); outro tratado com 120g/dia de Ômega- 3 (n=10) e um controle, sem suplementação com Ômega- 3 (n=10). Nestes grupos serão colhidas amostras de sangue em diferentes momentos da suplementação para avaliação de metabólitos sanguíneos, ainda, será realizada avaliação ginecológica para observar os efeitos nos índices reprodutivos. Nas etapas 2 e 3 serão formados os mesmos grupos de estudo da etapa 1. Na etapa 2 serão colhidas amostras de sangue em diferentes momentos do pós-parto e mensuradas citocinas (TNF-², IL-6, IL-4 e IL-10) e proteínas de fase aguda. Na etapa 3, que visa avaliar a imunidade uterina após suplementação com Ômega- 3, será analisada a expressão gênica (TNF-², IL-6, IL-4 e IL-10) a partir da secreção endometrial nos três grupos formados (idem etapa 2) e em diferentes momentos do pós-parto. Espera-se que a adição de uma fonte de Ômega- 3 na dieta de vacas leiteiras aumente a performance reprodutiva e ainda seja vista como uma ferramenta na ativação da cascata imunológica naqueles animais a fim de evitar enfermidades e descartes dos mesmos e ainda aumentar a produção de leite do rebanho.