Busca avançada
Ano de início
Entree

Acreção magnética em variáveis cataclísmicas: os objetos do tipo SW~Sextantis e busca por novos candidatos

Processo: 18/05420-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 30 de outubro de 2018
Vigência (Término): 24 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Astronomia - Astrofísica Estelar
Pesquisador responsável:Cláudia Vilega Rodrigues
Beneficiário:Isabel de Jesus Lima
Supervisor no Exterior: Paula Szkody
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Washington, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:15/24393-7 - Modelagem das polares intermediárias com o código CYCLOPS, BP.DR
Assunto(s):Variáveis cataclísmicas   Estrelas binárias

Resumo

As variáveis cataclísmicas magnéticas são sistemas binários compactos, nas quais ocorrem transferência de matéria de uma estrela de baixa massa para uma anã branca magnética. Nas subclasses polares e polares intermediárias, o campo magnético da anã branca é forte o suficiente para interromper o interior do disco de acreção, ou até mesmo impossibilitar a formação do disco de acreção. Os sistemas do tipo SW~Sextantis são uma subclasse das novalikes, que são variáveis cataclísmicas cujas características observacionais indicam matéria fora do plano orbital distribuída assimetricamente em azimute. Por exemplo, alguns objetos do tipo SW~Sex apresentam linhas de emissão com pico simples em vez de picos duplos, que são esperados em sistemas com alta inclinação. Muitos cenários são propostos para explicar o comportamento dos objetos do tipo SW~Sex, um deles é a acreção magnética. O objetivo geral deste projeto para o estágio de pesquisa no exterior supervisionado pela Dra. Paula Szkody é estudar acreção magnética em variáveis cataclísmicas magnéticas. Como primeira parte deste projeto, nós pretendemos buscar por sinais de acreção magnética em objetos do tipo SW~Sex tais como polarização circular e/ou variabilidade coerente nos dados fotométricos e/ou polarimétricos que possam ser associados com o período de rotação da anã branca. Esta parte do projeto teve início em meu mestrado usando uma amostra com seis objetos-LS Peg, 1H 0204-023, SW Sex, V380 Oph, and V442Oph-, para os quais tivemos recentes observações complementares. Nós também propomos conduzir uma busca por candidatos a variáveis cataclísmicas nos levantamentos. Esses candidatos podem ser confirmados em observações investigativas. Os objetos mais interessantes podem ser futuramente estudados por observações resolvidas temporalmente e/ou modelagem.