Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise de RNA-seq para identificar alvos moleculares envolvidos na desregulação da morfogênese prostática em filhotes de ratos submetidos a restrição proteica materna

Processo: 18/09408-6
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 31 de março de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Histologia
Pesquisador responsável:Luis Antonio Justulin Junior
Beneficiário:Ana Carolina Lima Camargo
Supervisor no Exterior: Carlos Sanchez Moreno
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Local de pesquisa : Emory University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/08715-0 - Análise integrativa do transcriptoma e proteômica da próstata ventral da prole de ratos submetidos à restrição protéica materna, BP.DR
Assunto(s):Proteoma   Transcriptoma   Próstata   Desenvolvimento

Resumo

A exposição materna a uma dieta deficiente em proteínas durante a gravidez, característica de países subdesenvolvidos e países cuja dieta contém alimentos ricos em calorias, pobres em fibras e nutrientes, está associada ao desenvolvimento de doenças na prole, especialmente cardiovasculares, renais, metabólicas e até câncer. Estudos demonstram que insultos sofridos durante o desenvolvimento intra-uterino podem desencadear doenças relacionadas a mudanças no metabolismo que afetam crianças e adultos, uma condição conhecida como Programação Fetal (PF). Além disso, nosso grupo de pesquisa demonstrou que a restrição proteica materna influencia o desenvolvimento da próstata em animais após o nascimento e aumenta a incidência de lesões da próstata na prole ao envelhecimento. Apesar disso, os mecanismos moleculares que desencadeiam essas mudanças ainda são pouco compreendidos. Neste contexto, o avanço de tecnologias de sequenciamento em grande escala baseadas na combinação de "omas" (transcriptoma, MicroRNoma e proteoma) utilizando ferramentas de bioinformática possibilitou uma visão integrativa global dos mecanismos moleculares sob condições normais e patológicas. Assim, o objetivo deste trabalho será identificar o perfil de expressão global de RNAs mensageiros (transcriptoma) em amostras de próstata de ratos submetidos à restrição proteica perinatal e integrar o perfil de expressão global de mRNAs para identificar redes de regulação e vias moleculares envolvidas no desenvolvimento câncer de próstata em animais normais e restritos. Ratos machos da linha Sprague Dawley pós-natal de 21 dias nasceram de mães alimentadas com ração padrão (17% de proteína) ou de mães alimentadas com baixa proteína (6% de proteína) durante a gestação e a lactação. Após esse período, os animais foram eutanasiados com overdose excessiva de anestésico e a próstata ventral (PV) coletada. O sequenciamento de ultima geração foi realizado por HigSeq-2500, Ilumina. Estes resultados serão analisados e comparados com os dados do transcriptoma do adenocarcinoma prostático (TCGA), disponíveis na literatura, com o intuito de investigar se a restrição proteica perinatal é responsável por alterar a expressão gênica de alvos relacionados ao desenvolvimento de lesões prostáticas. Com isso, espera-se obter uma visão geral dos efeitos da restrição proteica perinatal na biologia da próstata.