Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil global de metilação e expressão de microRNAs na próstata ventral de ratos submetidos à restrição protéica materna: efeitos perinatais e reflexos no envelhecimento

Processo: 17/08716-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 30 de abril de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Histologia
Pesquisador responsável:Luis Antonio Justulin Junior
Beneficiário:Flávia Bessi Constantino
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/15085-5 - Perfil global de alterações em RNA não-codificantes na próstata ventral de ratos jovens submetidos à restrição proteica materna perinatal, BE.EP.DR
Assunto(s):Desenvolvimento fetal   Metilação   MicroRNAs   Próstata   Envelhecimento   ELISA em animal   Sequenciamento de nova geração   Reação em cadeia da polimerase via transcriptase reversa quantitativa (qRT-PCR)

Resumo

Nas últimas décadas tem sido observado um aumento da incidência de doenças relacionadas a alterações no metabolismo, principalmente em crianças. Dentre as mais prevalentes estão a Obesidade, Diabetes, doenças cardiovasculares e até mesmo alguns tipos de Câncer. Evidências epidemiológicas demonstram que essas doenças crônicas podem ter origem a partir de insultos sofridos pelos indivíduos ainda durante o período intrauterino, condição conhecida por Programação Fetal (PF). Este período é caracterizado pela grande plasticidade e habilidade do embrião/feto em responder a alterações ambientais (dieta, estresse e hormônios) alterando a expressão gênica por mecanismos epigenéticos. Estudos recentes demonstram alterações na expressão de microRNAs e de metilação em genes associados à reparo de DNA, ciclo celular e metabolismo de aminoácidos no fígado de ratos programados por restrição proteica intrauterina. Considerando resultados do nosso grupo que demonstram o papel da restrição proteica materna em alterar o desenvolvimento e aumentar a incidência de lesões prostáticas na prole de ratos velhos, o objetivo deste trabalho será identificar o perfil de metilação global e de expressão de microRNAs em amostras de próstatas de ratos que sofreram restrição proteica perinatal. Para isso, serão utilizados ratos machos da linhagem Sprague Dawley com 21 dias de idade pós-natal nascidos de mães alimentadas com ração padrão (17% de proteína) ou com ração hipoproteica (6% proteina) durante a gestação e lactação. Após este período, os animais serão eutanasiados com overdose de anestésico, pesados e a próstata ventral será coletada. Serão analisados os perfis de metilação global por ELISA (Cell Biolabs - STA380), assim como a expressão de microRNas por sequenciamento de última geração (HigSeq-2500 Illumina). Serão realizadas análises in silico para a predição de alvos regulados por microRNA, e por metilação. Além disso, serão selecionados alguns alvos de interesse para serem validados por RT-qPCR, assim como a expressão proteica por imunohistoquímica e western blotting. Também iremos investigar se as alterações de metilação e de expressão de microRNAs persistem até o envelhecimento, em animais com 540 dias. Este projeto de doutorado faz parte de um projeto maior (auxílio regular à pesquisa), onde também será analisado o transcriptoma e o proteoma na próstata de ratos submetidos à restrição proteica perinatal. Todos estes dados serão integrados e assim, espera-se obter uma visão global dos efeitos da programação fetal por restrição proteica sobre as vias moleculares alteradas durante desenvolvimento e prostático suas repercussões com o envelhecimento. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.