Busca avançada
Ano de início
Entree

A escuta como ato de composição

Processo: 18/05388-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Artes - Música
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Fernando Henrique de Oliveira Iazzetta
Beneficiário:Gustavo Branco Germano
Instituição-sede: Escola de Comunicações e Artes (ECA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/16714-9 - Escuta como composição em obras sonoras norte- e sul-americanas, BE.EP.MS
Assunto(s):Sonologia   Música experimental

Resumo

Este projeto propõe um recorte no campo da música experimental em torno do que chamaremos de música não-ficcional, apropriando-se de uma expressão empregada pela autora e compositora Jennie Gottschalk em seu livro Experimental Music Since 1970 (2016). Para a delimitação desse objeto de pesquisa, tomaremos como referência uma analogia com a oposição entre ficção e documentário no desenvolvimento da linguagem cinematográfica. Dentro desse recorte, pretendemos entender de que formas a escuta se consolida como uma ação essencialmente criativa, capaz de reorganizar e atribuir significados aos sons do cotidiano em diferentes contextos, colocando o ouvinte como agente central da criação musical. (AU)