Busca avançada
Ano de início
Entree

Representação em contexto: ambiente político e estratégia eleitoral nas disputas proporcionais brasileiras

Processo: 18/04778-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Ciência Política - Comportamento Político
Pesquisador responsável:Glauco Peres da Silva
Beneficiário:Pedro Ernesto Vicente de Castro
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Comportamento eleitoral   Campanha eleitoral   Representação política   Eleitorado   Políticos   Brasil

Resumo

Este projeto visa a contribuir para uma melhor compreensão da natureza da representação política no Brasil. A perspectiva dominante vê o político como um agente do eleitor: o eleitor demanda e o político responde. Essa perspectiva reflete o paradigma da teoria política da representação, com um detalhe: no caso do Brasil, o que os eleitores demandam são benefícios individuais em vez de políticas públicas universais. Isso supostamente gera comportamentos indesejáveis dos parlamentares que são, pela lógica do argumento, responsabilidade do eleitor. Este projeto adota uma perspectiva alternativa, que enxerga o eleitor não como alguém que faz demandas ao político, mas como alguém que toma decisões cujas opções são constrangidas e definidas e cujos termos da escolha são em larga medida colocados pelo contexto eleitoral. Dessa perspectiva, para avançar nosso entendimento da natureza da representação política no Brasil é preciso adquirir uma melhor compreensão do contexto em que os eleitores decidem em quem votar. Contribuir para isso é o objetivo deste projeto. Proponho fazer isso analisando dados inéditos que estou coletando e que nos permitem identificar as localidades em que os políticos concentram suas atividades de mandato e de campanha. (AU)