Busca avançada
Ano de início
Entree

A formação de músicos e musicistas no século XIX: um estudo sobre a presença feminina no cenário musical brasileiro

Processo: 17/21699-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2021
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Alexandro Henrique Paixão
Beneficiário:Patricia Amorim de Paula
Instituição-sede: Faculdade de Educação (FE). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Pensamento social   Educação profissionalizante   Músicos   Mulheres   Brasil   Século XIX

Resumo

As origens de uma camada social artística brasileira no século XIX e as condições históricas nas quais se configuraram a formação e trabalho na música, com a participação social de ambos os sexos, compõem um problema eminentemente sociológico, que carece sempre de reflexão. Este trabalho propõe um exame histórico-sociológico da participação feminina no cenário musical do período e sua contribuição para a formação das novas gerações de músicos e musicistas brasileiros a partir do século XIX. Para tanto, faremos uma pesquisa documental a partir das seguintes fontes: jornais, biografias, dicionários e enciclopédias de música, obras literárias, cartas, obras de história da música e também do Brasil, entre outros documentos relevantes à temática. O uso de "palavras-chave" na análise sociológica do passado permite-nos dar uma nova ênfase ao vocabulário geral que uma dada sociedade compartilhava, bem como aos modos de vida impressos na cultura e sociedade de um momento histórico distante do nosso. Trata-se de um método de investigação que se inspira nas análises de Raymond Williams (1921-1988) sobre o contexto inglês, mas que será reorientado para compreender como os processos sociais e históricos se constituíram no interior da cultura impressa no Brasil no século dezenove. (AU)