Busca avançada
Ano de início
Entree

Novos estudos de síntese, caracterização e de atividade antitumoral de complexos de Pd(II) e Pt(II) com S-alil-L-cisteína

Processo: 18/09856-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 30 de junho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Inorgânica
Pesquisador responsável:Pedro Paulo Corbi
Beneficiário:Mariana Mazzo Quintanilha
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Metalofármacos   Antineoplásicos   Paládio   Platina   Bioensaio

Resumo

Estudos voltados ao desenvolvimento de novos metalofármacos têm aumentado consideravelmente nos últimos anos devido ao potencial de aplicação de tais compostos na área médica. Estas aplicações advêm de suas características estruturais e formas de interação com biomoléculas. Entre alguns dos metais utilizados na medicina estão o paládio e a platina, os quais, em estudos recentes, se mostraram muito promissores na síntese de complexos com diferentes ações biológicas. Uma boa estratégia na síntese de novos metalofármacos é unir as atividades já conhecidas de alguns metais com aquelas de ligantes bioativos que possam atuar de maneira aditiva ou sinérgica no tratamento de uma determinada enfermidade. Os aminoácidos são uma classe de moléculas que possuem atividades biológicas de interesse no desenvolvimento de novos agentes com potencial aplicação em medicina. Além disso, são versáteis do ponto de vista da química de coordenação. Neste projeto, o ligante escolhido foi a S-alil-L-cisteína, ou desoxialiina. Tal aminoácido está presente em alimentos consumidos em nosso dia a dia como o alho e a cebola, e há relatos na literatura sobre suas atividades biológicas, incluindo ação antiproliferativa sobre alguns tipos de células tumorais. Em nosso grupo de pesquisas, este aminoácido tem sido estudado há mais de uma década na preparação de complexos metálicos e na avaliação de suas atividades biológicas. Assim, o objetivo deste projeto é repreparar o complexo de Pd(II) com desoxialiina e buscar a síntese e a caracterização do seu análogo estrutural inédito de Pt(II), visando avaliar suas atividades sobre células tumorais. Desta forma, será possível também comparar as atividades do complexo de Pt(II) com àquelas já descritas do complexo de Pd(II). (AU)