Busca avançada
Ano de início
Entree

Influências de diferentes doses superficiais de calcário com e sem gesso nas características físicas de um solo arenoso

Processo: 18/09581-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 30 de junho de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Carlos Sergio Tiritan
Beneficiário:Maik Sergio Lopes da Silva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias. Universidade do Oeste Paulista (UNOESTE). Campus de Presidente Prudente. Presidente Prudente , SP, Brasil
Assunto(s):Compactação dos solos   Semeadura   Degradação do solo   Solo arenoso   Calcário   Gesso

Resumo

Os solos arenosos são caracterizados por apresentar baixa fertilidade, baixa CTC, baixos níveis de fósforo e potássio e no geral esse tipo de solo apresenta textura leve, baixa capacidade de retenção de água associada a elevadas taxas de percolação e infiltração da mesma. O objetivo do trabalho é avaliar as características físicas do solo com diferentes doses de calcário superficial combinadas com e sem gesso em solos arenosos. O experimento foi conduzido na Fazenda Experimental da Universidade do Oeste Paulista (Unoeste) em Presidente Bernardes - SP, a 22º17'27"S, 51º40'51"W e 385 m de altitude. De acordo com o Sistema Brasileiro de Classificação dos Solos (EMBRAPA, 2006), o solo da área experimental é classificado como Argissolo Vermelho Distrófico, de relevo suave ondulado. O delineamento experimental será realizado em faixas com parcela subdividida, em esquema fatorial 4x2, com três repetições. As parcelas foram constituídas pelas seguintes doses de calcário (0, 2, 4 e 8 t ha-1) e as subparcelas com e sem gesso agrícola (0 e 4 t ha-1). Avaliações no solo: análise química do solo (0-10, 10-20, 20-30, 30-40, 40-60 cm). As análises físicas do solo serão: Resistência à penetração e umidade, índice de estabilidade de agregados, densidade do solo, porosidade total (macro e micro), argila dispersa em água, argila total, grau de floculação, carbono solúvel e carbono orgânico total (TOC). Os dados serão submetidos à análise de variância e, em caso de efeito significativo para doses de calcário e gesso, será realizada a análise de regressão (linear ou polinomial) para verificar o efeito das doses de calcário em superfície. Já no caso de efeito significativo para as doses de gesso superficial, os dados serão comparados pelo teste de Tukey (5%), por meio do software Sisvar (FERREIRA, 2010). (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.