Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento do primeiro modelo experimental de infecção por Vírus Ilhéus (ILHV) em camundongos e delineamento de estratégias terapêuticas

Processo: 18/02993-0
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Vigência (Término): 11 de agosto de 2023
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia
Pesquisador responsável:Rafael Elias Marques Pereira Silva
Beneficiário:Ana Carolina de Carvalho
Instituição Sede: Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais (CNPEM). Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (Brasil). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):20/02456-5 - Síntese, caracterização e investigação do papel de peptídeos derivados de CXCL10 em modelos experimentais de doenças arbovirais, BE.EP.DD
Assunto(s):Flavivirus   Viroses   Encefalite de Saint Louis   Modelos animais
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:estratégias terapêuticas | flavivírus | Ilheus virus | Imunofarmacologia | Imunologia aplicada a infecções virais | modelos animais | Imunofarmacologia

Resumo

Arbovírus (do inglês Arthropod-Borne Vírus, ou "vírus transmitidos por artrópodes") são um problema de saúde global devido ao seu potencial danoso à saúde humana. Quando estabelecem ciclos de transmissão em áreas urbanas, arbovírus podem ocasionar epidemias como as ocorridas em 2014 e 2015 com os vírus da Chikungunya e Zika. O Vírus Ilhéus (ILHV, gênero Flavivirus), isolado na Bahia em 1944 e circulante em território nacional, é um arbovírus negligenciado e potencialmente emergente. Pouco se sabe sobre a epidemiologia, biologia e doença causada pelo vírus, em parte devido à quantidade limitada de estudos e à ausência de uma política pública de monitoramento do vírus. Estudos preliminares realizados por nosso grupo de pesquisa e relatos na literatura apontam o Vírus Ilhéus como causador de doenças neurológicas graves, caracterizadas por Encefalite, semelhante a outros flavivírus como o vírus da Encefalite de Saint Louis (SLEV) e Vírus Rocio (ROCV), também prevalentes no Brasil. Em função do conhecimento limitado existente sobre o ILHV, especificamente sobre seu potencial patogênico, propomos estabelecer um modelo de infecção e doença em camundongos. Entende-se que a criação de modelos experimentais para estudo de doenças é um passo importante que precede o desenvolvimento de tratamentos. Assim, ao investigar a patogênese da doença neurológica causada por ILHV, delinearemos mecanismos de susceptibilidade e resistência à infecção/doença e proporemos estratégias terapêuticas. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Revista Pesquisa FAPESP sobre a bolsa::
La infección con el virus de Mayaro genera inflamación en la piel, en los músculos y en las articulaciones 
Infecção por vírus mayaro gera inchaço na pele, nos músculos e nas articulações 
Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE CARVALHO, ANA CAROLINA; DIAS, CARLOS SATO B.; COIMBRA, LAIS D.; ROCHA, REBECA P. F.; BORIN, ALEXANDRE; FONTOURA, MARINA A.; CARVALHO, MURILO; PROOST, PAUL; NOGUEIRA, MAURICIO L.; CONSONNI, SILVIO R.; et al. Characterization of Systemic Disease Development and Paw Inflammation in a Susceptible Mouse Model of Mayaro Virus Infection and Validation Using X-ray Synchrotron Microtomography. INTERNATIONAL JOURNAL OF MOLECULAR SCIENCES, v. 24, n. 5, p. 17-pg., . (18/02594-9, 18/02993-0, 18/03917-6, 18/10990-1)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.