Busca avançada
Ano de início
Entree

Imobilização de bisfosfonatos em superfícies de filmes nanoestruturados de TiO2 e hidroxiapatita

Processo: 18/07520-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de julho de 2018
Situação:Interrompido
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Paulo Noronha Lisboa Filho
Beneficiário:Leonardo Francisco Gonçalves Dias
Instituição-sede: Faculdade de Ciências (FC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Bauru. Bauru , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:13/07296-2 - CDMF - Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais, AP.CEPID
Bolsa(s) vinculada(s):19/13100-0 - Estudos de superfícies de hidroxiapatita e TiO2 funcionalizadas com bisfosfonatos, BE.EP.DD
Assunto(s):Biomateriais   Difosfonatos   Filmes finos   Dióxido de titânio   Hidroxiapatita   Biomedicina

Resumo

O titânio metálico e suas ligas são amplamente utilizados como implantes na indústria biomédica. Entretanto, ainda existem questões em aberto sobre sua biocompatibilidade, a qual está diretamente relacionada com as características da superfície do material. Assim, recobrir o implante com um óxido ou hidroxiapatita é uma das maneiras de alterar suas propriedades de superfície como molhabilidade, rugosidade, energia de superfície, características essas que estão diretamente relacionadas com a biocompatibilidade do material. Este projeto está inserido em um contexto multidisciplinar, nas áreas de Ciência e Engenharia de Materiais, e tem como um dos objetivos contribuir com a literatura sobre as propriedades físico-químicas de superfícies de TiO2 e hidroxiapatita, funcionalizadas com bisfosfonatos, para aplicações biomédicas. A escolha deste composto deve-se ao seu grande uso e bom desempenho no tratamento de doenças ósseas. Soluções de dióxido de titânio (TiO2) e hidroxiapatita (HA), serão sintetizadas pela método sol-gel e posteriormente combinadas para a obtenção de um compósito. Essas três soluções (TiO2, HA e TiO2 + HA) serão utilizadas para o recobrimento de titânio comercialmente puro grau IV pelo método spin-coating. Finalmente, as superfícies serão funcionalizadas por imersão em soluções contendo bisfosfonatos. O material será caracterizado por diferentes técnicas como MEV, XPS, AFM, DRX e ângulo de contato. A fim de avaliar a biocompatibilidade do material desenvolvido serão realizados testes de viabilidade celular, ALP e mineralização. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.