Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação do jornalismo científico na divulgação do Departamento de Bioquímica e biologia tecidual do Instituto de Biologia da UNICAMP

Processo: 18/06805-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Jornalismo Científico
Vigência (Início): 01 de agosto de 2018
Vigência (Término): 31 de janeiro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Marcelo Alves da Silva Mori
Beneficiário:Sarah Azoubel Lima
Instituição-sede: Instituto de Biologia (IB). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas, SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Coordenadoria de Centros e Núcleos Disciplinares (COCEN). Núcleo de Desenvolvimento da Criatividade (NUDECRI), Brasil  
Assunto(s):Envelhecimento   Jornalismo científico   Neurobiologia

Resumo

A maioria dos brasileiros se interessa por ciência, mas as iniciativas de divulgação científica ainda são limitadas e pouco acessíveis para o público. Para solucionar esse problema, é necessário formar jornalistas científicos capazes de preencher a lacuna entre os cientistas e a população geral. O Departamento de Bioquímica e Biologia Tecidual, do Instituto de Biologia da Unicamp, é reconhecido pela qualidade e relevância de suas pesquisas, mas ainda não possui uma estratégia coordenada de divulgação científica. Meus objetivos são: 1) Publicar textos jornalísticos e podcasts sobre a ciência desenvolvida no departamento; 2) Criar um website para a divulgação do departamento, e uma cultura de comunicação com o público. Para isso, vou coordenar um grupo de interesse em divulgação científica envolvendo alunos e pesquisadores. As estratégias propostas aqui buscam ampliar o alcance das pesquisas desenvolvidas na instituição, o que pode ter um impacto positivo na sua relação com a sociedade, imprensa, indústria, e com a comunidade científica.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.