Busca avançada
Ano de início
Entree

A ciência para a criança e a criança para a ciência: uma análise comparativa dos discursos de divulgação científica para o público infantil

Processo: 18/01912-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2019
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Sheila Vieira de Camargo Grillo
Beneficiário:Johnny Dotta
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Ciência   Divulgação científica   Dialogismo   Público infantil   Linguagem infantil   Análise do discurso

Resumo

Este projeto visa a compreender o espaço ocupado pela criança frente a uma das facetas fundamentais da sociedade contemporânea: a ciência como influenciadora de costumes e fonte de explicação de fatos. Para tal, serão utilizados enunciados de divulgação científica voltados para o público pueril pertencentes a línguas/culturas distintas, a saber, os artigos de capa de alguns números da revista brasileira Ciência Hoje das Crianças e da revista britânica Aquila, submetendo-os ao método comparativo de análise de discursos, com o objetivo de se chegar às culturas subjacentes a esses enunciados, identificando semelhanças e diferenças entre eles e suas causas. Alicerçando o trabalho estarão as ideias dos teóricos do Círculo de Bakhtin, os quais, por terem uma visão sociointerativa da linguagem, permitem estabelecer uma relação entre a parte verbal dos textos, a situação em que estão inseridos e os participantes envolvidos, dando relevo não só à instância produtora, a qual possui certa visão sobre os pequenos e sobre o processo de divulgação da ciência para eles, mas também ao destinatário presumido, ou seja, as próprias crianças, as quais realizam um papel ativo e importante na construção dos enunciados. Estabelecidas as ferramentas teóricas e metodológicas adequadas, os dados colhidos serão analisados e comparados a fim de se responder à seguinte pergunta de pesquisa: Como os públicos infantis são concebidos e exercem influência sobre os enunciados das revistas Ciência Hoje das Crianças e Aquila? (AU)