Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização química e estrutural de cimentos reparadores de alta plasticidade

Processo: 18/06515-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2018
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Endodontia
Pesquisador responsável:Marina Angélica Marciano da Silva
Beneficiário:Gabriela Fernanda Bombarda
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Piracicaba (FOP). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Piracicaba , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):18/16722-9 - Padrões de difração de cimentos reparadores de alta plasticidade, BE.EP.IC
Assunto(s):Materiais dentários   Teste de materiais   Cimentos endodônticos   Silicato tricálcico   Plasticidade das estruturas   Microscopia eletrônica de varredura

Resumo

O objetivo do estudo é avaliar as propriedades estruturais e químicas dos cimentos à base de silicato tricálcio de alta plasticidade presentes no mercado (MTA HP, Biodentine e MTA Flow) e propor o desenvolvimento de um novo cimento de alta fluidez composto por silicato tricálcio, silicato dicálcio, óxido de bismuto, óxido de zinco e, em seu líquido, água destilada e polímero solúvel em água. Os cimentos hidratados e não hidratados serão analisados. A caracterização será realizada por meio de microscopia eletrônica de varredura (MEV), espetroscopia dispersiva de energia (EDS) e difratômetro de raios-X (XRD). O cimento proposto será avaliado, comparativamente aos demais cimentos, em relação às suas propriedades onde serão feitas análises da composição química dos cimentos em MEV, EDS e XRD. A análise da fase dos elementos químicos dos cimentos hidratados e não hidratados será realizada em difratômetro de raios-X (XRD). Para a análise dos cimentos não hidratados, os pós dos cimentos serão colocados diretamente na base de leitura do equipamento e compactadas. O difratômetro (Rigaku, Tóquio, Japão) utilizará radiação Cu K± com 40 mA e 45 kV. Os resultados serão submetidos ao teste de normalidade de D'Agostino e Pearson (p < 0,05) para a seleção do teste estatístico adequado aos resultados. (AU)