Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise evolutiva de genes novos em Drosophila através de transcriptomas da gametogênese

Processo: 18/12585-7
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 25 de fevereiro de 2019
Vigência (Término): 24 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Maria Dulcetti Vibranovski
Beneficiário:Gabriel Nassar Reich Goldstein
Supervisor no Exterior: Yong Edward Zhang
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo, SP, Brasil
Local de pesquisa : Chinese Academy of Sciences (CAS), China  
Vinculado à bolsa:16/09378-4 - Análise evolutiva de genes novos em Drosophila através dos transcriptomas da gametogênese, BP.DR
Assunto(s):Gametogênese   Drosophila

Resumo

Genes que apareceram recentemente na história evolucionária de um táxon, através de vários mecanismos genéticos, como duplicação no nível do DNA, duplicação do nível de RNA (retrotransposição) e transferência lateral, são chamados de novos genes. Como a maioria deles emergem por duplicação, seu destino mais comum é a pseudogeneização, pois a presença de uma cópia é geralmente suficiente para sua função normal. No entanto, estudos recentes mostraram que estes genes estão envolvidos em processos biológicos importantes (por exemplo, gametogênese masculina). Novos genes são difíceis de identificar devido à sua semelhança com genes parentais. Assim, novos genes são estudados principalmente usando espécies modelo como D. melanogaster, que possui genomas bem montados e, portanto, aplicáveis à prática de datação baseada em sintenia. Este projeto propõe um método de anotação de novos genes que é independente dos genomas, usando o fato de que novos genes são preferencialmente expressos nos testículos, enquanto genes antigos são amplamente expressos (por exemplo, ovários). Assim, ao comparar transcriptomas de ovário e testículo de várias espécies de Drosophila, novos genes estarão presentes apenas em testículos de uma espécie, enquanto genes antigos estarão presentes em ambos os tecidos de várias espécies. Com este objetivo, sequenciamos os transcriptomas da gametogênese de 7 espécies do gênero Drosophila e uma espécie do gênero Scaptodrosophila, que será montada em laboratório e analisada em parceria com o professor Dr. Yong E. Zhang (Academia Chinesa de Ciências, China ).

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.