Busca avançada
Ano de início
Entree

Experimentos fora do laboratório como uma história da econometria

Processo: 18/07105-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2020
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Economia
Pesquisador responsável:Pedro Garcia Duarte
Beneficiário:Arthur Brackmann Netto
Instituição-sede: Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):19/17650-4 - Experimentos fora do laboratório como uma história da econometria, BE.EP.DR
Assunto(s):História do pensamento econômico   Econometria

Resumo

De um lado, macroeconometria e a abordagem da Comissão Cowles (CC) já foram cuidadosamente analizadas por historiadores da economia. Por outro lado, microeconometria, campos aplicados da economia e experimentos fora do laboratório recém acabaram de começar a ser lidados pela comunidade de história do pensamento econômico. Como consequência, a história de experimentos na econometria, até o momento, baseia-se na narrativa de pesquisadores ativos ou trabalhos incipientes de historiadores - a maioria baseado em bibliometria. O resultado é uma mistura de narrativas desconectadas, sugerindo que experimentos foram importados de disciplinas estrangeiras e, desde então, estão conquistando a econometria. Entretanto, o período dos anos 70 aos anos 90 é amplamente negligenciado nessas narrativas. Assim, os narradores têm implantado suposições ad hoc em vez de evidências históricas para garantir a coesão de suas exposições. Uma revisão do ponto negligenciado expõe pelo menos três conexões entre experimentos fora do laboratório e a econometria pré anos 70: variáveis instrumentais, "mensuração sem teoria" e validade externa. Assim, a história dos experimentos na econometria deve ser reconsiderada como uma história da econometria.