Busca avançada
Ano de início
Entree

PRP liofilizado associado à nano-hidroxiapatita na performance celular e regeneração óssea

Processo: 18/05731-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2018
Vigência (Término): 31 de julho de 2021
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Química de Macromoléculas
Pesquisador responsável:Willian Fernando Zambuzzi
Beneficiário:Marcel Rodrigues Ferreira
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:14/22689-3 - Sinalização parácrina mediada por microvesículas e proteínas entre células ósseas e endoteliais durante o desenvolvimento e regeneração do tecido ósseo, AP.JP
Assunto(s):Biomateriais   Pesquisa translacional   Transdução de sinais   Bioengenharia   Osso e ossos   Regeneração tecidual   Fatores de crescimento

Resumo

Lesões ósseas constituem um dos problemas mais prementes na área médico-odontológica. Embora o tecido ósseo seja um tecido altamente dinâmico com boa capacidade de se regenerar, em caso de lesões mais severas faz-se necessário o uso de biomateriais que permitam uma boa regeneração tecidual. Até o presente, não foi desenvolvido nenhum material sintético que reúna as propriedades e capacidades ofertadas pelo material autógeno, conhecidamente como material ideal. Dentre as diversas terapias propostas, a associação de biomateriais em escala nanométrica, como hidroxiapatita, vem apresentando resultados positivos no processo de regeneração do tecido ósseo. Outra vertente amplamente utilizada é o uso de plasma rico em plaqueta (PRP), obtido do próprio paciente, no tratamento destas lesões. Baseando-nos neste prévio conhecimento sobre o potencial de ambas as terapias, o objetivo deste projeto é a associação de hidroxiapatita em escala nanométrica (nanoHA) ao PRP liofilizado para a obtenção de um produto capaz de impactar a regeneração óssea e por conseguinte a qualidade de vida do paciente. Utilizaremos a experiência prévia de nosso grupo para uma caracterização do impacto deste compósito nas vias de sinalização clássicas relacionadas a processos de diferenciação de osteoblastos e regeneração do tecido ósseo através de ensaio in vitro e in vivo, somada à experiência da Prof. Elenice Deffune, Hemocentro, FMB-UNESP, à obtenção legal e processamento do PRP. Destacamos ainda que temos interesse em pleitear, oportunamente, a bolsa complementar BEPE, para estágio sanduiche nos Estados Unidos. Através da parceria com o Prof. Paulo G. Coelho, da New York University (Nova Iorque - EUA), buscaremos fabricar, com impressoras 3D, próteses, utilizando o compósito proposto. Visamos também avaliar os efeitos deste produto em defeitos criticamente dimensionados em calota craniana de ratos. Embora a temática deste projeto fosse bastante explorada na literatura, nossa motivação é justamente conhecer aspectos celulares e moleculares que regem sua performance durante mecanismos de regeneração, além de propor protocolos prévios de síntese/combinações, como desfecho propor novas alternativas metodológicas à prática clínica, facilitando sua aplicação em injúrias do tecido ósseo, amparado por um repertório molecular que justifique sua escolha e desempenho, parâmetros extremamente necessários para interface com o setor produtivo. Por fim, pretendemos que esta nova rotina possa aglutinar informações de impacto em artigos científicos e patentes, além da aquisição de conhecimento acerca de metodologias correlatas, ainda não praticadas no Dep. Quimica e Bioquímica, IBB-UNESP, através de qualificação de recursos humanos. O projeto proposto usará financiamento adquirido pelo auxílio JP-FAPESP (2014/22689-3).

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
FERREIRA, MARCEL RODRIGUES; ZAMBUZZI, WILLIAN FERNANDO. Platelet microparticles load a repertory of miRNAs programmed to drive osteogenic phenotype. Journal of Biomedical Materials Research Part A, v. 109, n. 8 DEC 2020. Citações Web of Science: 0.
FERREIRA, MARCEL RODRIGUES; MILANI, RENATO; RANGEL, ELIDIANE C.; PEPPELENBOSCH, MAIKEL; ZAMBUZZI, WILLIAN. OsteoBLAST: Computational Routine of Global Molecular Analysis Applied to Biomaterials Development. FRONTIERS IN BIOENGINEERING AND BIOTECHNOLOGY, v. 8, OCT 8 2020. Citações Web of Science: 0.
FERREIRA, MARCEL R.; SANTOS, GERSON A.; BIAGI, CARLOS A.; SILVA JUNIOR, WILSON A.; ZAMBUZZI, WILLIAN F. GSVAscore reveals molecular signatures from transcriptomes for biomaterials comparison. Journal of Biomedical Materials Research Part A, v. 109, n. 6 SEP 2020. Citações Web of Science: 0.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.