Busca avançada
Ano de início
Entree

Fundos de impacto: protagonismo inovador de organizações e usuários?

Processo: 18/10288-5
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2018
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Setores Específicos
Pesquisador responsável:Tania Pereira Christopoulos
Beneficiário:Tania Pereira Christopoulos
Anfitrião: Pedro Luis Pereira Verga Matos
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Local de pesquisa : Universidade de Lisboa, Portugal  
Assunto(s):Finanças   Fundo de investimento   Teoria de campos   Estratégia organizacional

Resumo

Este projeto tem como objetivo compreender o processo de formação e a atuação de Fundos de Impacto em Portugal como um novo campo organizacional, além de analisar como essa atuação se compara à atuação de Fundos de Impacto no Brasil. Os dados deverão ser coletados por meio de entrevistas e grupos focais realizados com gestores e beneficiários de fundos de impacto em Portugal. A base teórica para o estudo será a Teoria de Campos (FLIGSTEIN, 2009; FLIGSTEIN AND MCADAM, 2012) e a metateoria de Lógica Institucional (THORNTON, P.H.; OCASIO, W, LOUNSBURY, 2012). O estudo deverá ser conduzido durante a estadia desta pesquisadora na Universidade de Lisboa. Como base de comparação, serão utilizados dois estudos desenvolvidos por esta pesquisadora no Brasil: dados de um estudo que investigou a atuação de três fundos de impacto no Brasil, apresentado no 6th Latin American and European Meeting on Organization Studies sob o título "Investing impact funds in Latin America - an industry in construction" e também material originado de projeto que deverá ser finalizado até junho de 2018, cujo objetivo é compreender o processo de formação e atuação de fundos de impacto no Brasil como um novo campo organizacional. A comparação entre as duas experiências propiciará a identificação de diferenças em relação à atuação de atores relevantes no campo, seus papéis, relações de poder, sua intervenção na estratégia e nos processos adotados pelos fundos de impacto. Os resultados obtidos contribuirão para a criação de novas estratégias, processos e políticas públicas na área. Como se trata de um campo em formação e carente de pesquisas acadêmicas, além da contribuição prática já mencionada, a pesquisa oferecerá também contribuições teóricas. (AU)