Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise e comparação de diferentes ensaios mecânicos in vitro empregados para avaliar a resistência da interface adesiva cerâmica/cimento

Processo: 18/05660-2
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Pesquisa
Vigência (Início): 24 de setembro de 2018
Vigência (Término): 23 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Daniela Micheline dos Santos
Beneficiário:Daniela Micheline dos Santos
Anfitrião: Grace M de Souza
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia (FOA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araçatuba. Araçatuba , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Toronto (U of T), Canadá  
Assunto(s):Cimentos de resina   Cerâmicas   Ensaios mecânicos   Resistência de união (odontologia)   Adesivos dentinários

Resumo

A resistência da interface de união entre as cerâmicas e os cimentos resinosos tem sido verificada, ao longo do tempo, por diferentes ensaios in vitro. Contudo, ainda existem muitas dúvidas a respeito de qual seria o método mais adequado para avaliar a resistência de união da interface adesiva, fornecendo resultados confiáveis e indicativos aos que ocorrem em condições clínicas. Desse modo, o objetivo do presente estudo será avaliar a resistência da interface adesiva formada pela cerâmica e cimento por meio de diferentes modelos de ensaios in vitro (Microtração, Tração, Microcisalhamento, Cisalhamento, Micropush-out, Push-out e Tenacidade à Fratura). Ainda, os diferentes modelos de ensaio in vitro serão simulados in silico por meio do método de Elementos Finitos (FEA) com objetivo de correlacionar os valores obtidos para cada ensaio in vitro proposto com os dados obtidos pelo FEA, de modo a propor o ensaio mecânico mais adequado. Para isso, serão confeccionadas amostras com diferentes formatos de acordo com os parâmetros de cada ensaio proposto, distribuídas em 7 grupos. A superfície das amostras de cerâmica será condicionada com ácido fluorídrico, seguida de lavagem em ultrassom, para posteriormente, ser silanizada. Amostras de resina composta serão cimentadas sobre a superfície da cerâmica utilizando cimento resinoso de cura dual. Os ensaios de Microtração, Tração, Microcisalhamento, Cisalhamento, Micropush-out, Push-out e Tenacidade à Fratura serão realizados e a resistência de união da interface adesiva mensurada. O modo de falha das amostras utilizadas em cada ensaio será avaliado e quantificado. A distribuição de tensão para cada ensaio in vitro proposto será analisada por FEA. Os dados obtidos serão submetidos ao teste de aderência à curva normal, sendo aplicado o teste estatístico apropriado para a comparação dos valores médios. Testes de correlação serão aplicados entre os valores resistência de união obtidos para cada ensaio in vitro proposto com os dados de tensão obtidos pelo método de Elementos Finitos.