Busca avançada
Ano de início
Entree

Alterações nos atributos químicos do solo e produção de silagem e forragem em sistemas integrados de produção agropecuária

Processo: 18/10916-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2018
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Juliano Carlos Calonego
Beneficiário:Maria Elisa Zuin
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Agropecuária   Sistemas de produção integrados   Química do solo   Cultivo de plantas   Manejo do solo   Silagem   Forragem   Delineamento experimental   Botucatu (SP)

Resumo

Sistemas de produção envolvendo cultivo de plantas para silagem e forragem podem levar ao empobrecimento da fertilidade do solo. A inclusão de leguminosas em áreas manejadas em Sistemas Integrados de Produção Agropecuária (SIPAs) sob sistema de semeadura direta (SSD), principalmente em consórcio ou rotação com espécies forrageiras dos gêneros Panicum e Urochloa, são importantes para aumentar o aporte de N no solo, via fixação biológica do N atmosférico, visto que SIPAs ainda são limitados pela carência de N, com alta dependência do uso de adubo nitrogenado para o sucesso da produção. Além disso, o manejo adequado da carga animal e o correto controle da altura de pastejo são estratégias de conservação das propriedades físicas e químicas do solo. O objetivo deste trabalho será o de avaliar o efeito do cultivo, nas últimas quatro safras de verão, de diferentes consórcios de milho para produção de silagem em interação com diferentes intensidades de pastejo de aveia preta na entressafra por cordeiros de corte, na produção de forragem de aveia, na cobertura do solo com palha, na produção de silagem de soja de planta inteira consorciada com capim-aruana na próxima safra verão e nos atributos químicos do solo e no crescimento radicular das culturas. A pesquisa será realizada na Fazenda Experimental Lageado, pertencente à Faculdade de Ciências Agronômicas - UNESP, localizada no município de Botucatu (SP), e será conduzida entre os anos 2018 e 2019. O delineamento experimental será em blocos ao acaso, em esquema de parcelas subdivididas, sendo as parcelas (2) constituídas pelo histórico de duas modalidades de cultivo da cultura do milho para ensilagem: em consórcio simultâneo com capim-marandu e em consórcio simultâneo com capim-marandu e feijão guandu, no verão. As subparcelas (3) serão constituídas por 2 alturas de corte de aveia-preto (0,15 e 0,30 m do solo) para pastejo de cordeiros entre os meses de junho a outubro de 2018, ou ainda pelo tratamento sem entrada de cordeiros. Serão avaliados a quantidade de silagem e pastagem produzidas durante os cultivos, e as alterações nos atributos químicos do solo (pH, H+Al, MO, P, K, Ca, Mg, S, SB, CTC, V%) nas camadas de 0,0-0,05, 0,05-0,10, 0,10-0,20, 0,20-0,40 m de profundidade. Os resultados serão submetidos à análise de variância (teste F) e a comparação entre as médias serão realizadas pelo teste de t LSD (pd0,05).

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.