Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação do perfil químico e do potencial esquistossomicida da linhagem fúngica 1A15 associada à Ascidia Aplidium accarense

Processo: 18/12791-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2018
Vigência (Término): 31 de agosto de 2019
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Ana Helena Januário
Beneficiário:Thaís de Freitas Alves
Instituição-sede: Pró-Reitoria Adjunta de Pesquisa e Pós-Graduação. Universidade de Franca (UNIFRAN). Franca , SP, Brasil
Assunto(s):Microbiota   Química de produtos naturais   Esquistossomicidas   Urocordados   Trichoderma

Resumo

O número de espécies fúngicas de origem marinhas descritas nos últimos anos tem demonstrado um aumento significativo do interesse dos pesquisadores no estudo de fungos associados à ascídias. A classe Ascidiacea (Ascidia) produz uma variedade incrível de substâncias estruturalmente novas e farmacologicamente interessantes. Neste projeto pretende-se realizar a investigação química do extrato em metanol da linhagem fúngica Trichoderma sp -1A15 associada ao invertebrado Aplidium accarense. Esta espécie foi selecionada para estudo dentro do Projeto Regular de Pesquisa "Investigação do Potencial Esquistossomicida, Leishmanicida e Citotóxico de Linhagens Fúngicas Associadas a Invertebrados Marinhos Pertencentes à Ascidiacea." (Processo Fapesp n. 2017/14261-1). A literatura relata para a espécie fúngica Trichoderma sp atividades variadas como fitotóxica, antibacteriana, antioxidante e antifúngica. Contudo, de acordo com a literatura, estudos acerca do seu potencial esquistossomicida são inexistentes. Portanto, a abordagem química será biomonitorada quanto a esta atividade. O ensaio esquistossomicida será realizado avaliando-se o ciclo de vida do vetor Schistosoma mansoni. As metodologias de análise a serem utilizadas, envolverão técnicas de separação cromatográfica (CC e CLAE/DAD) e a caracterização estrutural dos compostos isolados será realizada empregando-se métodos espectroscópicos como RMN uni e bi-dimensionais. O objetivo principal deste projeto será identificar substâncias naturais da microbiota marinha com potencial esquitossomicida, além de contribuir para a formação de recursos humanos na área de produtos naturais marinhos no país.