Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da intensificação no uso da terra sobre a biomassa e produtividade de algas: uma simulação do isolamento espacial e da aplicação de agroquímicos em sistemas aquáticos experimentais

Processo: 17/23982-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de junho de 2018
Vigência (Término): 31 de maio de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Luis Cesar Schiesari
Beneficiário:Bianca Rodrigues Strecht Valente
Instituição-sede: Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:15/18790-3 - Consequências ambientais da conversão pastagem-cana-de-açúcar e intensificação de pastagens, AP.PFPMCG.TEM
Assunto(s):Agricultura   Ecologia de comunidades   Limnologia

Resumo

A conversão de ambientes nativos e a intensificação no uso da terra são reconhecidas como um dos principais vetores de degradação ambiental no mundo todo. Diversas linhas de evidência sugerem que a perda de biodiversidade e de função ecossistêmica em ambientes modificados é resultado do isolamento espacial e da diminuição na qualidade das manchas de habitat remanescentes na paisagem. Este Projeto de Iniciação Científica - que é componente de um Projeto de Doutorado já financiado pela FAPESP - propõe investigar experimentalmente como o isolamento espacial de corpos d´agua, a contaminação por agroquímicos, e suas interações afetam a biomassa e a produtividade primária de algas do fitoplâncton e do perifíton. Para tal se baseará num experimento de campo no qual poças artificiais distribuídas a três distâncias de um corpo d´água-fonte serão espontaneamente colonizadas por organismos aquáticos e semi-aquáticos dispersando voluntaria ou involuntariamente pela paisagem terrestre. Dentro de cada classe de distância será aplicado um filtro ambiental simulando a intensificação química no uso da terra. O controle, simulando poças em cerrados, não receberá agroquímicos. O tratamento simulando poças em pastagens manejadas receberá doses semanais de fertilizantes. O tratamento simulando poças em plantações receberá, além das mesmas doses semanais de fertilizantes, aplicações de inseticida e herbicida obedecendo ao cronograma típico de aplicações para canaviais no Estado de São Paulo. Este projeto procura aliar o controle das manipulações experimentais ao realismo dos cenários de campo para contribuir com o entendimento mecanístico do destino de ecossistemas aquáticos espalhados em paisagens modificadas em dezenas de milhões de hectares do território nacional.