Busca avançada
Ano de início
Entree

Aplicação de haloperoxidase dependente de vanádio em sistema de fluxo contínuo visando reações seletivas

Processo: 18/07152-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado Direto
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 30 de abril de 2022
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Leandro Helgueira de Andrade
Beneficiário:Milene Macedo Hornink
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Síntese orgânica   Substratos   Halogenação   Biocatálise   Fluxo contínuo   Vanádio   Peróxido de hidrogênio

Resumo

A utilização de haloperoxidases dependentes de vanádio tem apresentado diversos desafios, quando se trata da seletividade, sendo o mais desafiador a alta reatividade da espécie halogenante gerada pela enzima. Outro desafio que se apresenta é a inativação da enzima através do agente oxidante, quando o mesmo está em excesso, ou em prolongado contato com a enzima. Acredita-se que a utilização de um reator com alta estabilidade operacional, aliado ao conceito de "flash chemistry" possa promover a geração controlada e contínua do intermediário reativo, o que poderá contribuir para as reações mais favorecidas cineticamente, corroborando com uma potencial transformação estéreo e regiosseletiva. Assim, neste projeto propõe-se a utilização de haloperoxidases dependentes de vanádio, encontradas em novas fontas, em reatores de leito fixo, com sua imobilização e aplicação ao estudo do fluxo contínuo, visando melhorar a seletividade e reatividade enzimática na bromação peroxidativa de substratos orgânicos. A fim de estudar o papel da coimolibização de enzimas na geração controlada de H2O2, e na seletividade da reação, também será utilizado um reator contendo as enzimas coimobilizadas. (AU)

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.