Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito in vivo da radiação ultrassônica pulsada de baixa intensidade na neoformação óssea de defeitos na calvária de ratas ovariectomizadas

Processo: 17/22210-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 31 de outubro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Histologia
Pesquisador responsável:Karina Fittipaldi Bombonato Prado
Beneficiário:Rodrigo Reiff Campanelli
Instituição-sede: Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto (FORP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Osteoporose   Defeitos ósseos   Reparo ósseo   Ovariectomia   Técnicas histológicas   In vivo   Ratas

Resumo

A osteoporose pós-menopausa é caracterizada por uma diminuição na densidade óssea mineral, resultando em força reduzida e alteração das características do osso trabecular. Algumas terapias coadjuvantes tem sido avaliadas, principalmente a utilização de medicamentos, que podem induzir a efeitos colaterais. Assim, o desenvolvimento de estratégias não invasivas baseadas na estimulação biofísica para melhorar a regeneração óssea tem sido realizada. Dessa forma, o objetivo desse trabalho é realizar um estudo in vivo para avaliar o potencial estimulatório do ultrassom pulsado de baixa intensidade (LIPUS) em defeitos criados na calvária de ratas osteoporóticas. Serão utilizadas 36 ratas wistar divididas em quatro grupos (n=8): C (controle), CLIPUS (controle + LIPUS), OVX (ovariectomizadas) e OVXLIPUS (ovariectomizadas + LIPUS). Após 90 dias da ovariectomia, serão criados defeitos ósseos unilaterais de 5mm de diâmetro na calvária, região do lobo parietal do lado esquerdo dos animais de todos os grupos. Durante 4 semanas, os animais receberão aplicação do LIPUS com frequência de 1,58 MHz, largura do pulso de 200¼s, frequência de 1KHz e intensidade SATA de 40 m/w/cm2 por 20 minutos três vezes por semana em pontos opostos sobre a pele da região do defeito. Em seguida, os animais serão eutanasiados e as calvárias coletadas para análise histológica qualitativa e quantitativa. Os dados obtidos serão analisados por programas estatísticos adequados com significância para p d 0.05, com o objetivo de encontrar dados estatisticamente significantes que demonstrem os efeitos benéficos da utilização do LIPUS na neoformação óssea.