Busca avançada
Ano de início
Entree

Aquisição pelo feijoeiro de fósforo mobilizado de fosfato natural pelo trigo sarraceno

Processo: 18/15754-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de outubro de 2018
Vigência (Término): 30 de setembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Eduardo Dal'Ava Mariano
Beneficiário:Tainá Martins Cardoso
Instituição-sede: Centro de Ciências Agrárias (CCA). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). Araras , SP, Brasil
Assunto(s):Pedologia   Mineralização   Fertilização   Solubilização   Ciclagem de nutrientes   Feijoeiro   Trigo   Relação solo-planta

Resumo

Alguns fosfatos naturais têm apresentado potencial equivalente ao de fosfatos industrializados no fornecimento de fósforo (P) para as plantas, mesmo apresentando baixa solubilidade em água. Espécies vegetais distintas são capazes de aumentar sensivelmente o fornecimento de P pelo fosfato a partir de alterações de características e processos físico-químicos da rizosfera causadas ou induzidas por suas raízes. A fertilização do solo com biomassa de plantas de espécies com boa capacidade de mobilizar e adquirir P de um fosfato natural tem potencial para elevar a disponibilidade do nutriente neste solo em curto espaço de tempo, uma vez que durante a decomposição da biomassa ocorre rápida liberação de formas de P solúveis em água e inorgânicas, prontamente disponíveis às plantas. Durante a decomposição ocorre também liberação dos ácidos orgânicos contidos nas células, que têm significativa capacidade de solubilizar fosfatos presentes no solo. Objetiva-se com este projeto de pesquisa estudar a aquisição pelo feijoeiro de P mobilizado de fosfato natural pelo trigo sarraceno, uma espécie com distinta capacidade de mobilização de P de fosfatos de baixa solubilidade. O feijoeiro, espécie de baixa capacidade de mobilização de P, será cultivado em solo naturalmente pobre em P, mas fertilizado com fosfato natural, cultivado com trigo sarraceno e refertilizado com a biomassa de trigo sarraceno. As plantas serão crescidas em casa de vegetação, em vasos construídos com tubos de PVC e preenchidos com solo. Espera-se que os resultados do projeto contribuam para aumentar os conhecimentos sobre a ciclagem e a disponibilidade de P no sistema solo-planta.