Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da ação do citral na febre induzida por lipopolissacarídeo em camundongos obesos com dieta hiperlipídica

Processo: 18/10935-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 29 de fevereiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Farmacologia - Etnofarmacologia
Convênio/Acordo: Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Pesquisador responsável:Clélia Akiko Hiruma Lima
Beneficiário:Maycon Tavares Emílio Silva
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IBB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Monoterpenos   Produtos naturais   Citral   Febre   Obesidade

Resumo

A obesidade é considerada um problema de saúde pública, que tem crescido em diversos países pelo mundo. A ingestão de uma dieta rica em gordura leva a um progressivo aumento de tecido adiposo e desencadeia alterações na modulação do sistema imunológico, elevando a concentração de mediadores inflamatórios (TNF-±, IL-6 e leptina), considerados biomarcadores sistêmicos. O processo inflamatório crônico associado ao quadro de obesidade aumenta a suscetibilidade a infecções, que resulta em alterações na homeostasia do hospedeiro capaz de promover respostas efetoras a fim de protege-lo do patógeno. Uma das principais respostas desencadeadas é a febre, definida como o aumento controlado da temperatura corporal (Tb) devido a produção de mediadores inflamatórios periféricos, tais como IL-1², IL-6, TNF-± e PGE2 produzido sistemicamente e especialmente a PGE2, produzida na área pré-óptica do hipotálamo (AVPO). Visando minimizar os feitos danosos da febre, os anti-inflamatórios não esteroidais (AINEs) são empregados como a terapêutica atual, porém o uso indiscriminado e crônico pode causar danos significativos aos usuários, como a formação de úlceras gástricas. Diante disso, o presente projeto busca estudar uma alternativa terapêutica com efetiva ação anti-inflamatória, antipirética e não agressora a mucosa gástrica para aplicação clínica de maneira eficaz e segura. Trabalhos anteriores demonstram que o citral, uma mistura racêmica de monoterpenos, exibe ação antipirética e anti-inflamatório em animais alimentados com dieta padrão. Com isso, se torna plausível caracterizar o perfil de resposta do citral em camundongos alimentados com dieta padrão e hiperlipídica (HFD) frente a febre induzida por dose baixa de lipopoilissacarideo (LPS) e elucidar seus mecanismos de ação.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
EMILIO-SILVA, MAYCON T.; RODRIGUES, VINICIUS P.; BUENO, GABRIELA; OHARA, RIE; MARTINS, MARINA G.; HORTA-JUNIOR, JOSE A. C.; BRANCO, LUIZ G. S.; ROCHA, LUCIA R. M.; HIRUMA-LIMA, CLELIA A. Hypothermic Effect of Acute Citral Treatment during LPS-induced Systemic Inflammation in Obese Mice: Reduction of Serum TNF-alpha and Leptin Levels. BIOMOLECULES, v. 10, n. 10 OCT 2020. Citações Web of Science: 1.
PERICO, LARISSA LUCENA; EMILIO-SILVA, MAYCON TAVARES; OHARA, RIE; RODRIGUES, VINICIUS PEIXOTO; BUENO, GABRIELA; BARBOSA-FILHO, JOSE MARIA; ROCHA, LUCIA REGINA MACHADO DA; BATISTA, LEONIA MARIA; HIRUMA-LIMA, CLELIA AKIKO. Systematic Analysis of Monoterpenes: Advances and Challenges in the Treatment of Peptic Ulcer Diseases. BIOMOLECULES, v. 10, n. 2 FEB 2020. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SILVA, Maycon Tavares Emílio. Avaliação da ação do citral na inflamação sistêmica induzida por lipopolissacarideo em camundongos obesos com dieta hiperlipídica. 2020. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Botucatu)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.