Busca avançada
Ano de início
Entree

O impacto da exposição química sobre o transcriptoma de trabalhadores formais e informais

Processo: 17/25424-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de novembro de 2018
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2021
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Saúde Pública
Pesquisador responsável:Kelly Polido Kaneshiro Olympio
Beneficiário:Fernanda Junqueira Salles
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Exposição ocupacional   Transcriptômica   Expressão gênica   Trabalhadores   Exposição a produtos químicos   Diagnóstico da situação de saúde   Limeira (SP)   Volta Redonda (RJ)

Resumo

A transcrição do código genético em cadeias de RNA mensageiro pode sofrer influência em diferentes estágios do desenvolvimento, considerando estado fisiológico, tipo de tecido e diferentes fatores ambientais. No presente estudo, a transcriptômica permitirá a comparação entre a expressão gênica de subpopulações que sofrem exposições ocupacionais e ambientais diferentes. A cidade de Limeira é conhecida no país como a capital das joias folheadas. Os indivíduos do município incluídos na pesquisa serão trabalhadores terceirizados informais que desenvolvem etapas da produção de joias em ambiente domiciliar. Volta Redonda é o município-sede de uma das maiores usinas siderúrgicas da América Latina, a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN). Os trabalhadores da CSN, incluídos nesta pesquisa, serão, especificamente, residentes do Condomínio Volta Grande IV, onde existe contaminação de solo e água por resíduos da siderurgia. Estes contextos obrigam a avaliação contínua da situação de deterioração ambiental e de exposição ocupacional. O principal objetivo é avaliar se o trabalho informal domiciliar com joias e bijuterias, em Limeira e o trabalho formal na siderúrgica, em Volta Redonda pode alterar o transcriptoma dos trabalhadores. Amostras de sangue venoso serão coletadas de, aproximadamente, 50 trabalhadores informais de Limeira - SP e 50 trabalhadores formais em Volta Redonda - RJ para determinação de metais totais e análise transcriptômica. Cada grupo será composto por 25 indivíduos expostos ocupacionalmente e 25 controles. Os procedimentos de isolamento do RNA, análise em Microarray e análise de dados serão realizados na Aristotle University of Thessaloniki - Grécia, um dos centros de análise do expossoma. (AU)