Busca avançada
Ano de início
Entree

Desenvolvimento de marcadores moleculares para detecção precoce de resistência a inseticidas em Spodoptera frugiperda e Euschistus heros usando análises de transcriptoma e genoma completo

Processo: 18/20668-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2018
Vigência (Término): 30 de novembro de 2019
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitossanidade
Pesquisador responsável:Celso Omoto
Beneficiário:Erick Mauricio Goes Cordeiro
Supervisor no Exterior: Christopher Bass
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Local de pesquisa : University of Exeter, Exeter, Inglaterra  
Vinculado à bolsa:17/02393-0 - Resistência de Euschistus heros (Hemiptera: Pentatomidae) a inseticidas: diversidade genética e detecção de marcadores moleculares associados a genes de resistência, BP.PD
Assunto(s):Transcriptoma   Spodoptera frugiperda   Entomologia agrícola   Resistência a inseticidas

Resumo

A exposição contínua à moleculas inseticidas impõe forte pressão seletiva sobre mutações associadas ao aumento da sobrevivência de insetos-praga em ambientes contaminados, o que invariavelmente leva a evolução da resistência. O desenvolvimento de meios confiáveis para monitorar a resistência pode ser de grande vantagem para o manejo integrado, ajudando os tomadores de decisão a implementar estratégias mais efetívas e mais sustentáveis para retardar a falha do controle químico no campo. No entanto, o desafio reside no fato de que a resistência pode ser o produto de múltiplos mecanismos e rotas fisiológicas interconectadas, o que tornam o reconhecimento de suas causas bastante desafiador. Infelizmente, as metodologias usadas atualmente - como os métodos fenotípico e genotípico - ainda sofrem com os grandes obstáculos envolvendo o elevado custo e a laboriosidade envolvendo a manutenção de insetos em laboratorio somados a ensaios em larga escala para detectar alelos raros. O desenvolvimento de tecnologias de sequenciamento de DNA e RNA de alto rendimento são agora ferramentas poderosas que podem ser usadas para detectar mutações associadas ao fenótipo da resistência. Essas novas ferramentas permitem o desenvolvimento de marcadores confiáveis e a elucidação de mecanismos fisiológicos complexos envolvendo expressão e regulação gênica. Nosso principal objetivo com este projeto é desenvolver ferramentas moleculares para a detecção e genotipagem de alelos variantes resistentes presentes em populações de campo. Tais ferramentas podem ser utilizadas no esforço de monitoramento de resistência de importante pragas como Spodoptera frugiperda e Euschistus heros, oferecendo também perspectivas para a elucidação de mecanismo de ação e novas formas de controle. No caso de S. frugiperda, propomos utilizar o genoma de referência para maperar marcadores baseandos em sequenciamento de RNA- (transcriptoma) e DNA (GBS) usando a abordagem GWAS e TWAS para detectar candidatos associados à resistência ao inseticida spinosad. Para E. heros, propomos o sequênciamento completo de um genoma de referência (WGS) que será posteriormente usado em estudos de associação envolvendo essa espécie emergente da cultura da soja.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.