Busca avançada
Ano de início
Entree

Otimização do desempenho de produção em bovinos de corte compostos através do uso de abordagens genômicas alternativas

Processo: 18/20393-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 28 de janeiro de 2019
Vigência (Término): 27 de janeiro de 2020
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos
Pesquisador responsável:José Bento Sterman Ferraz
Beneficiário:Laís Grigoletto
Supervisor no Exterior: Luiz Fernando Brito
Instituição-sede: Faculdade de Zootecnia e Engenharia de Alimentos (FZEA). Universidade de São Paulo (USP). Pirassununga , SP, Brasil
Local de pesquisa : Purdue University, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:17/11919-6 - Aplicação de estratégias de estudos genômicos para características produtivas em bovinos montana composto tropical, BP.DR
Assunto(s):Heterose   Carne bovina   Qualidade da carne   Bovinos de corte   Variação genética

Resumo

A produção de carne bovina é um componente importante da economia brasileira e coloca o país entre os maiores produtores e exportadores mundiais de carne bovina. O desenvolvimento e uso de populações compostas representam uma alternativa promissora para aumentar a eficiência e a qualidade da produção em bovinos de corte. A combinação estratégica de diferentes raças representa uma grande oportunidade para maximizar a variabilidade genética e explorar a heterose e a complementaridade entre as raças. A fim de implementar com sucesso as avaliações genômicas para populações compostas, várias abordagens e metodologias genômicas precisam ser investigadas. Por exemplo, o uso de informação de haplótipos e a incorporação de efeitos aditivos e não-aditivos nos modelos de avaliação genômica. Além disso, a maioria dos modelos genômicos e métodos atualmente utilizados para avaliações genômicas foram desenvolvidos com base em animais de raça pura e o conhecimento sobre o uso de informações genômicas em raças de gado sintéticas ou compostas ainda é muito limitado. Portanto, estudos que investigam metodologias mais sofisticadas e abordagens genômicas permitirão um uso mais eficiente da informação genômica disponível para raças compostas e, conseqüentemente, valores genéticos mais precisos. Este projeto faz parte de um projeto temático apoiado pela FAPESP (Processo 2014/07566-2), também uma parte importante do projeto em desenvolvimento no Brasil (Processo 2017/11919-6). Os objetivos gerais são investigar metodologias de seleção genômica e estratégias de imputação para melhorar a precisão da predição genômica de valores genéticos na população geneticamente diversa de Montana Tropical®. As características incluídas neste estudo serão: peso ao nascer, peso à desmama, peso aos 12 meses, circunferência escrotal (como indicador do desempenho na fertilidade) e musculatura aos 14 meses. Um total de 2.000 genótipos de alta densidade de animais de várias raças (Montana, Nelore, Aberdeen Angus, Belmont Red, Bonsmara, Charolês, Devon, Hereford, Braunvieh, Limousin, Red Angus, Senepol e Simental) estão atualmente disponíveis para esta pesquisa. As análises de imputação serão realizadas utilizando o software FImpute 2.2 e Beagle 4.1. As predições genômicas serão realizadas utilizando diferentes metodologias (GBLUP, Bayes LASSO, CÀ, R e Bayesian single-step) e estratégias para definir as populações de treinamento, com base em resultados de diversidade genética e análises de estrutura populacional. Em resumo, este projeto contribuirá para o desenvolvimento de métodos genômicos e abordagens para o progresso genético de fixadores para uma variedade de características economicamente importantes em bovinos de corte compostos e aumentará a lucratividade dos produtores de carne bovina.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.